sexta-feira, 16 de novembro de 2018

A Polícia Civil do Pará apresenta, depois de quase 5 meses, o acusado de ter assassinado o radialista bragantino, Jairo Souza.

A motivação teria sido denúncias feitas pela vítima em seu programa de rádio. 
Licitações fraudadas, desvio de dinheiro da prefeitura e envolvimento de empresários e vereadores de Bragança em esquemas de corrupção levantam a pergunta principal das investigações: Quem seriam os mandantes?
Doze mandados de prisão foram decretados e oito já foram cumpridos em Bragança.
Radialista foi assassinado no dia 21 de junho deste ano.
A Polícia Militar realiza na manhã desta sexta-feira (16) um cerco na casa e empresas de construção de alguns vereadores do Município de Bragança e em algumas empresas na busca de evidências que levem ao mandante do assassinato do radialista  Jairo Sousa, da Rádio Pérola FM.

Explosão de lancha mata e deixa vários feridos em Macapá, entre eles o santareno Erick Bruno de 32 anos

Uma embarcação, com capacidade para 50 passageiros, explodiu na tarde de quinta-feira (15), no porto do Igarapé da Fortaleza, em Santana, a 17 quilômetros de Macapá (AP). 

Uma pessoa morreu carbonizada e duas ficaram gravemente feridas. A explosão ocorreu por volta das 15h30, quando era realizado um serviço de soldagem na embarcação. José Everaldo Ferreira dos Santos, 32 anos, que operava a máquina de solda, morreu durante a explosão. 
Entre os feridos está o santareno Erick Bruno Almeida de Souza, 32 anos. Além dele, Thênife de Sousa Lopes, 20 anos, também ficou gravemente ferido. Ambos foram socorridos pelas equipes de resgate do Samu e Corpo de Bombeiros. 
Embarcações ancoradas próximas à lancha não foram danificadas — Foto: John Pacheco/G1As vítimas da explosão tiveram mais de 90% dos corpos queimados. Eles estão internados Centro de Tratamento de Queimados do Hospital de Macapá. Não há informações sobre o estado de saúde das vítimas.
Diego Albuquerque, capitão do Corpo de Bombeiros de Macapá, explicou que a explosão foi causada por uma fagulha na hora do serviço de soldagem feita pela vítima. 
A equipe dos Bombeiros chegou, mas a embarcação já estava sendo consumida pelas chamas. 

Desembargador Thompson Flores, assinou exoneração de Sergio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba,

Resultado de imagem para Desembargador Thompson Flores, assinou exoneração de Sergio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba,O presidente do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), desembargador Thompson Flores, assinou hoje (16) a exoneração do juiz federal Sergio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba, responsável pelos processos da Operação Lava Jato em 1º grau. 
O pedido foi encaminhado por Moro, convidado para assumir o Ministério da Justiça no governo do presidente eleito, Jair Bolsonaro.

Moradora denuncia abuso de autoridade de policiais militares de Óbidos em post nas redes sociais

Cadeira foi quebrada durante abordagem policial — Foto: Marcella Lima/Arquivo PessoalMarcella Lima ressalta que entende que os militares fazem seu trabalho, mas reclama de 'exagero'.
Uma abordagem da Polícia Militar de Óbidos, no oeste do Pará, a um jovem que estava no canto de sua casa no bairro São Francisco, surpreendeu Marcella Lima que decidiu expor sua opinião nas redes sociais. 
Segundo ela, os policiais quebraram uma cadeira antes de ir embora. O caso ocorreu por volta das 21h de terça-feira (13), e chamou a atenção dos vizinhos.
Moradora denunciou nas redes sociais maneira como vizinho foi abordado por militares  — Foto: Reprodução/Facebook Marcella Mayra LimaEm uma publicação no Facebook, Marcella destacou o bom trabalho que os militares têm feito, mas reclamou de “exagero”. “Eles não agrediram o rapaz, só pediram para ver o celular dele, devolveram o telefone e mandaram ele ir pra casa. 

Presos acusados da morte do radialista Jairo Sousa

Presos acusados da morte do radialista Jairo Sousa (Foto: Reprodução)
Presos acusados pela morte do radialista Jairo Sousa, ocorrida em Bragança, nordeste paraense.
Envolvidos no assassinato do radialista foram levados para o prédio da Unidade Integrada da Polícia.
Segundo a Divisão de Homicídios, uma operação com cerca de 50 políciais militares foi montada e coordenada pela Polícia Cívil do Pará, com apoio da Superintendência da Polícia Cívil da Região nordeste do estado e também da Polícia Cívil de Bragança. 
Os mandatos expedidos pela polícia foram cumpridos e nove pessoas foram identificadas e presas. 
Uma coletiva de impressa está marcada para o início da tarde desta sexta-feira (16) na Delegacia Geral de Polícia, sede da Divisão de Repreenssão ao Crime Organizado, em Belém, onde os nomes dos presos serão oficialmente divulgados.
ENTENDA
Jairo Sousa foi morto quando entrava no prédio da Rádio Pérola, onde trabalhava.
Era conhecido por fazer denúncias de irregularidades e desvios envolvendo prefeituras, vereadores, empresas e autoridades ligadas a processos licitatórios de forma irregular.
O radialista foi executado com dois tiros no dia 21 de junho.

Número de doenças transmitidas pelo Aedes aegypti cai no Pará

Entre os procedimentos essenciais feitos pelas Secretarias Municipais de Saúde, estão as vistorias domiciliares por agentes de controle de endemias
O Pará registrou uma redução de 71% nos casos de dengue, 28% de febre chikungunya e 87% de zika, em relação ao mesmo período do ano passado, segundo o mais recente Informe Epidemiológico de 2018 sobre os casos registrados de doenças transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti, divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa).
Até o momento, em 2018, foram contabilizados 1.445 casos de dengue, 4.969 de febre chikungunya e 41 confirmados de zika. Para as três doenças, não houve registro de mortes este ano. Por outro lado, no mesmo período de 2017 foram registrados 4.954 casos de dengue, 6.917 casos de chikungunya – incluindo sete óbitos - e 332 de zika.

Vereadores de Santarém declaram apoio total ao movimento “Fora Celpa” Mano Dadai diz que o povo vem sendo lesado pela concessionária

O parlamentar usou a tribuna para parabenizar o movimento “Fora Celpa”.Segundo ele, os consumidores se sentem lesados pela concessionária de energia elétrica. Ainda de acordo com Dadai, por meio da manifestação iniciada em Santarém, outros municípios estão se engajando na luta contra as cobranças altas que têm sido feitas pela companhia.
O peerretebista enalteceu a importância da Casa para o movimento, e criticou posicionamento contrário que indicou que a manifestação em nível municipal não surtiria efeito. 
“Se iniciou daqui nós vamos chegar lá”, enfatizou o parlamentar que fez uma comparação da causa com o movimento que pleiteia a criação do Estado do Tapajós que também deve ser resolvido em outra esfera de poder, no caso a federal.

Policia descobre local de desmanche de moto roubadas em Itaituba

Após inúmeros denuncias de roubos de motos na cidade de Itaituba, a policia militar  conseguiu descobrir um local onde as motos eram guardadas e desmanchadas, após os assaltos.
Após os furtos as motos eram levadas e guardadas em uma Vila localizada na 5ª Rua da cidade baixa, entre Justo Chermont e 15 de Agosto, o último quarto era usado para esconder as motos roubadas e desmanchadas para venda de peças.

‘Vaquinha virtual’ arrecada dinheiro para ajudar no tratamento de criança de 3 anos diagnosticada com câncer


Maria Alice é de Santarém e está em tratamento em São Paulo, onde precisa completar cinco ciclos de quimio e tomar medicação específica; saiba como doar.
Quem luta contra o câncer diariamente precisa encontrar forças para vencer os problemas que acompanham a doença. Diagnosticada há quase um ano com um tumor grau 4 na cabeça (meduloblastoma), a pequena Maria Alice Sousa Portela, de 3 anos, está em tratamento.
Para ajudar a família pagar despesas e comprar remédios, uma “vaquinha virtual” foi montada para arrecadar recursos. A meta é arrecadar R$ 50 mil até o dia 12 de fevereiro de 2018.
A criança e os pais estão em São Paulo (SP) e recebem auxílio do Grupo de Apoio à Criança com Câncer (Graacc). A viagem foi necessária para que Maria Alice pudesse receber tratamento mais adequado para o quadro clínico.

Proprietário de academia e personal trainer é morto a tiros

Proprietário de academia é morto a tiros em Castanhal - Na manhã de hoje, 16, um personal trainer conhecido como Marcio Menezes foi baleado no bairro Jaderlândia, município de Castanhal, no Nordeste do Pará. De acordo com informações, Márcio trabalhava no momento em que recebeu vários tiros.
A vítima recebeu alguns tiros no pescoço e ombro, que foi levado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Castanhal. Ainda não tem informações sobre o estado de saúde dele.
Até o momento ninguém sabe a motivação desse baleamento, mas a Polícia Militar segue fazendo rondas para identificar os autores dos disparos.

DRCO faz operação em Bragança para prender acusados de executar radialista

A operação faz parte da investigação do assassinato do radialista Jairo Sousa (foto), em junho deste ano.
A Delegacia de Repressão ao Crime Organizado está em Bragança fazendo busca e apreensão com várias equipes espalhadas pelo município. Neste momento, uma equipe da DRCO está na Avenida General Gurjão, Bairro Riozinho. Duas pessoas foram detidas, mas não foram apresentadas. A operação faz parte da investigação do assassinato do radialista Jairo Sousa (foto), em junho deste ano.
O crime aconteceu por volta das 5h do dia 21 de junho, quando a vítima chegava para trabalhar na rádio Pérola FM. Conhecido pelo estilo de comunicação excêntrico e destemido, ganhou muita antipatia por conta dos escândalos que denunciava, no meio da criminalidade e política, segundo Fabrício Bragança, amigo de Jairo.
Fabrício conta que o assassino do radialista disparou três tiros, mas ele foi atingido por dois. 
A vítima chegou a ir para o hospital andando, conseguiu relatar o crime e descrever os acusados para a polícia. Mas, não resistiu.
DRCO faz operação em Bragança para prender acusados de executar radialista - Crédito: Ronny Madison
Mais informações em breve.

Investigador da PC morre de infarto ao discutir com delegado

O investigador de Polícia Civil, Cláudio, morreu após discutir com um delegado, que ainda não teve seu nome revelado. 
O caso aconteceu nesta quinta-feira, 15, na travessa Humaitá com a avenida Visconde de Inhaúma, no bairro da Pedreira, em Belém. Ele era casado com a escrivã Elizabeth.
O delegado estava discutindo com familiares, quando uma equipe da Delegacia de Crimes Funcionais foi acionada por volta das 21h30 desta quinta. Ao chegar no local, o investigador também discutiu com o delegado. Cláudio passou mal e foi levado para um Hospital Saúde da Mulher com princípio de infarto. Ele não resistiu.

Vereador de Itaituba denuncia fake que se passa por seu assessor para negociar veículos

´´Fake utiliza foto do vereador Raimisson no whatsapp e marca encontro com vendedores de carros na cidade`´
O vereador Raimisson Abreu procurou a delegacia de polícia, na tarde da última quarta-feira (14), para denunciar que existe uma pessoa se passando por seu assessor no whatsapp, que diz se chamar Rafael. O fake diz ser uma pessoa interessada em comprar carros e tenta marca encontros com vendedores que encontra em grupos de venda no facebook.

30 que trabalharam na campanha de Paulo Rocha ao governo tomaram calote: senador diz que divida é do PT

A dívida de campanha não trará paz para Paulo Rocha enquanto não for paga

O senador Paulo Rocha, que ficou em terceiro lugar nas últimas eleições ao governo do Pará, não pagou a última parcela aos cerca de 30 profissionais, entre jornalistas, publicitários e técnicos, que trabalharam nos programas eleitorais de rádio, TV, rede social e mídia impressa do candidato. 

Com recursos do Fundo Partidário, que deveriam ser utilizados para honrar esses compromissos de campanha, o candidato pagou 80% do valor total, que chega a aproximadamente R$ 1 milhão. Esse pagamento foi feito semanalmente em parcelas. Mas não pagou os 20% restantes, que chegam a quase R$ 200 mil. 

quinta-feira, 15 de novembro de 2018

STJ manda TRF-1 se manifestar sobre crime ocorrido na ditadura em Marabá

A 5ª Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) determinou nesta terça-feira (13) que o Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1) se manifeste sobre a impossibilidade de prescrição do crime de sequestro cometido pelo Major reformado do Exército, Lício Augusto Maciel, um dos comandantes das tropas que atuaram contra a Guerrilha do Araguaia.
O Major da reserva Lício Augusto Maciel, que usava na época o codinome de doutor Asdrúbal, é acusado de sequestrar Divino Ferreira de Sousa, único de quatro guerrilheiros do PCdoB que foi levado vivo às dependências do Exército após serem capturados por militares.

Cerca de 70% do médicos que atuam no Pará serão comprometidos com a saída do programa Mais Médicos

Resultado de imagem para programa mais medicoSegundo dados do Ministério da Saúde, os cubanos preenchem 537 das 763 vagas, o equivalente a 70,4% do total de médicos. Ainda segundo a pasta, 521 desses médicos estão distribuídos por 138 municípios paraenses.
O governo de Cuba anunciou na quarta-feira (14) que vai abandonar o programa Mais Médicos citando "referências diretas, depreciativas e ameaçadoras" feitas pelo presidente eleito Jair Bolsonaro à presença dos médicos cubanos no Brasil. No Pará, de acordo com a Secretaria de Saúde existem hoje 521 médicos cubanos atuando em pelo menos 138 municípios do estado.Ao todo a decisão irá comprometer cerca de 70% de todos os profissionais que atuam pelo programa no estado.

Autorizada pela Justiça, prefeitura de Santarém vai retomar processo licitatório do transporte coletivo

Processo de licitação estava suspenso desde o dia 16 de outubro após interposição de recurso de uma empresa.Imagem relacionada
O processo de licitação para concessão do serviço de transporte coletivo urbano de passageiros em Santarém, no oeste do Pará, terá continuidade após ser suspenso desde o dia 16 de outubro. Por meio da Secretaria Municipal de Mobilidade e Trânsito (SMT), a Prefeitura informou que já foi notificada da decisão judicial que liberou o andamento do processo.

quarta-feira, 14 de novembro de 2018

Câmara apoia movimento popular contra tarifas abusivas da Celpa

Em reunião realizada na manhã desta quarta-feira (14/11), na sala dos ex-vereadores (plenarinho). Diante do clima de protesto que ganhou força nos últimos dias, a concessionária, representada por executivos de diferentes setores, ouviu reclamações dos parlamentares e de lideranças comunitárias como o presidente da Associação de Moradores do bairro Matinha, Aldomiro Souza da Silva. “Pessoas que pagavam 200 reais está [sic] pagando 600 reais, mil reais. Eles [Celpa] reclamam por causa dos gatos, mas eu moro perto da serra, levei o Carlinhos, ele mandou o pessoal fazer uma vistoria há mais de três anos, nunca legalizaram lá, nunca botaram um poste”, destacou o comunitário referindo-se a uma das justificativas da companhia para o aumento da tarifa cobrada, que seriam as perdas de energia, ocasionadas pelas ligações clandestinas, chamadas popularmente de “gatos”.
Além dessa justificativa, a empresa apresentou outras, esclarecendo, principalmente, a parte que cabe diretamente à concessionária sobre a tarifação ao consumidor. Foi o que explicou a executiva de Relações com o Cliente, Sulamita Pereira, que ainda fez um balanço do compromisso junto ao Poder Legislativo. “A reunião foi importante para a gente conseguir entender ainda mais quais são os principais pontos de reclamação. A gente conseguiu trazer uma explicação da composição de nossa tarifa. A gente ressalta o nosso compromisso de entender caso a caso, e se houver alguma divergência, deveremos fazer a correção”,salienta.
A representante da Celpa enfatizou também sobre a questão dos impostos que são cobrados junto com o consumo de energia. Sulamita ressaltou que o ICMS do Estado é alto, em 25%, e que “[a mobilização] vai ser muito importante no sentido de evoluir e trazer uma resolução para o povo paraense”. 
Os vereadores que estavam na reunião eram Mano Dadai (PRTB), Maria José Maia (DEM), Emir Aguiar (PODEMOS), Didi Feleol (PDT), Júnior Tapajós (PR), Henderson Pinto (MDB), Alaércio Cardoso (PRP), Rogélio Cebuliski (PSB), Tadeu Cunha (DEM), Alysson Pontes (PSD) e Antônio Rocha (MDB). O presidente ponderou a respeito das perdas. Para ele, a Celpa “precisa fazer os investimentos para baratear o custo de quem paga”.
O emedebista se baseou no fato de muitas localidades nas zonas urbana e rural não terem sido ainda assistidas pela companhia, o que obriga moradores a fazerem instalações clandestinas. Ele também lançou uma pergunta, pedindo que seja respondida na audiência pública marcada para o dia 29/11, sobre a diferença de valores por unidade de consumo entre o Pará, São Paulo e a capital do Amazonas, em que os paraenses pagam mais caro que os consumidores desses lugares, mesmo estando em uma das maiores unidades federativas produtoras de energia elétrica. 
Já o republicano progressista Alaércio Cardoso ampliou o discurso para fora de Santarém no sentido da mobilização. “Hoje têm pelo menos 30 municípios [do Pará] que já estão no movimento, e vão se manifestar publicamente em seus municípios, realizando audiências públicas. E Santarém não pode ficar de fora dessa manifestação, é o clamor que vem das ruas. Que nessa audiência pública a gente encaminhe algo mais concreto”, ressalta.
Mano Dadai (PRTB) que deu voz, na Câmara de Vereadores de Santarém, ao movimento “Fora Celpa”, iniciado na internet, foi enfático: “o que o povo quer é uma solução. A tarifa muito alta. ICMS muito alto. O Pará é um dos estados que mais produzem energia, porém pagamos a energia mais cara. O consumidor está reclamando com toda a razão. E a Casa de Leis está pronta para buscar solução e dar resposta ao povo”.
A reunião dessa quarta foi uma preparação para a audiência pública, que deverá contar, além da Celpa, com representantes de diversas instituições. Dentre as requisitadas pelos vereadores, estão a Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), que é responsável por regular o setor no país.
Blog do Xarope via Ascon/CÂMARA

Magistrada transfere travesti para casa penal feminina

Ré foi apenada em mais de oito anos por crimes de roubo
A juíza da Vara de Execuções Penais (VEP) de Santarém, Rafaella Moreira Lima Kurashima, determinou a transferência de Edcarlos Mendes Raiol, travesti que se apresenta socialmente como “Brenda”, do Centro de Recuperação Sílvio Hall Moura (CRASHM) para o Centro de Recuperação Feminina (CRF). Brenda é condenada por dois crimes de roubo praticados em Monte Dourado, que está sob a jurisdição da Comarca de Almeirim, oeste do Pará. As duas condenações somam pena de mais de oito anos, a serem cumpridos em regime inicial semi-aberto. A transferência de Brenda foi possível, considerando que o CRF foi inaugurado neste ano.
A determinação da magistrada se deu durante visita carcerária, quando Edcarlos conversou com a juíza e confirmou sua identidade de gênero informando que deseja ser chamado pelo nome social Brenda, que se compreende como pessoa do gênero feminino e deseja cumprir sua reprimenda corporal em estabelecimento prisional feminino, tudo corroborado pela forma em que se apresenta (roupas femininas, cabelos longos e aparência feminina).
A decisão da magistrada está embasada na Resolução Conjunta nº 01/2014, do Conselho Nacional de Combate à Discriminação, que em seu artigo 3º dispõe sobre os parâmetros de acolhimento de pessoas LGBT em privação de liberdade no Brasil, e que determina que às “pessoas travestis privadas de liberdade em unidades prisionais masculinas, considerando a sua segurança e especial vulnerabilidade, deverão ser oferecidos espaços de vivência específicos, condicionado a sua expressa manifestação de vontade”. 
Texto: Coordenadoria de Imprensa com informações de Jota Ninos

Ex-prefeito é condenado a 5 anos de cadeia

O juiz Antônio Carlos Almeida Campelo, da 4ª Vara Federal, condenou o ex-prefeito de Marituba e ex-deputado estadual Antônio Armando Amaral de Castro e também Francisco da Silva Dias, a 5 anos e 4 meses de prisão e pagamento de 40 dias-multa, cada dia equivalente a meio salário mínimo vigente, por trafico de influência majorado, crime previsto no artigo 332 do Código Penal Brasileiro: solicitar, exigir, cobrar ou obter, para si ou para outrem, vantagem ou promessa de vantagem, a pretexto de influir em ato praticado por funcionário público no exercício da função.
Eles foram denunciados pelo Ministério Público Federal em outubro de 2013, após a divulgação de gravação, pelo então prefeito de Marabá, João Salame Neto, na qual Antônio Armando diz a Salame que ele deveria pagar R$150 mil à juíza Ezilda Pastana Mutran para que ela proferisse decisão favorável em processo que tramitava no Tribunal Regional Eleitoral do Pará (TRE-PA), no qual ele era réu e corria o risco de ter o mandato cassado.

Corregedoria indicia policial e advogada acusados de 3 crimes no oeste do Pará

Na manhã desta quarta-feira a Corregedoria da Policia Civil do Pará no Baixo e Médio Amazonas protocolou na Justiça o indiciamento de um policial civil e uma advogada, acusados de prática de 3 crimes na cidade de Itaituba, oeste do Pará. O escrivão Haroldo Batista Macedo Júnior e a advogada Elineke Conceição Lameira Leite são acusados pela corregedoria de prevaricação, fraude processual e excesso de exação, que é um tipo de concussão. 
Ontem (13), o Blog do Jeso antecipou o envolvimento no caso de uma advogada, cujo nome ainda era mantido em segredo. Hoje, o inquérito policial (nº 0014173-63.2018.8.14.0024) apareceu no site do TJ (Tribunal de Justiça) do Pará, após encaminhamento feito pela corregedor, delegado Elinelson Silva, à Justiça. 

Suspeito de vários homicídios na vicinal do “Brabo” em Itaituba é preso pela Polícia Cívil

Mazarildo: criminoso que atuava na região.
A Policia Civil prendeu em Benevides região metropolitana de Belém Mazarildo Meneses Silva, ele é o principal suspeito de ser o autor de uma série de crimes na vicinal do “Brabo”.
A informação foi repassada pelo delegado José Dias Bezerra presidente do inquérito policial. Segundo o delegado os crimes aconteceram no ano de 2009 e 2010 na vicinal do “Brabo”, hoje vicinal do “cacau”. Mazarildo e seu irmão Maciel já falecido faziam parte de um bando criminoso que atuava na região.
Mazarildo já é denunciado pelo ministério público pela morte de Lazaro Taveira, ocorrida em 21\05|2009, e é o principal acusado das mortes de: Ari Roque Lopes Araújo em 30|09|2009 e seus filhos Luiz Carlos Araújo e Antônio Carlos Araújo em 18|02|2010. 
Segundo o inquérito policial Mazarildo conseguiu fugir da região, mas a polícia já tinha seus dados, e por um descuido do mesmo usou seu CPF para registrar um número de celular, foi quando a polícia conseguiu chegar até seu paradeiro, foi preso em casa, e está no centro de recuperação da cidade novam em Belém e aguarda transferência para Itaituba comarca onde aconteceram os crimes.
De 2008 a 2010 foram 09 mortes, a motivação teria sido por disputa de terras na região. 
1- Manoel Mariano Alexandre em 04|01|2008 (autor Jose Silva)
2- José Silva (Zezinho Maranhense) em 18|04|2009 (em apuração)
3- Eronildo Francisco Rego em 02|04|2009 (em apuração) 
4- Ozeas Claudino em 24|05|2009 (em apuração) 
5- Lazaro Taveira em 21|05|2009 (em apuração)
6- Ari Roque Lopes Araújo em 30|09|2009 (em apuração)
7- Luiz Carlos Araújo (em apuração)
8- Zilá Claudina da Silva Aguiar em 06|05|2009 (em apuração)
9- Antônio Carlos Araújo em 18|10|2010 (em apuração) 
Fonte: Junior Ribeiro

Papão vira no fim e dorme fora da degola

O time paraense saiu perdendo por 2 a 0, mas buscou a virada nos minutos finaisPaysandu vira para cima do Figueirense - Reprodução/Figueirense
O Paysandu saiu perdendo de 2 a 0, mas buscou a virada por 3 a 2 na noite desta terça-feira, em pleno Estádio Orlando Scarpelli, pela 37ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. De quebra, o time paraense dormirá fora da zona de rebaixamento.
Com o resultado, o Paysandu subiu para a 16ª colocação, com 43 pontos, ultrapassando o CRB, novo integrante do descenso, com 42. O time alagoano ainda entrará em campo na rodada, frente ao Londrina. Já o Figueirense continuou estacionado em 13º, com 46.
FIGUEIRA NA FRENTE!
O Paysandu iniciou o jogo buscando surpreender o Figueirense, mas se descuidou da marcação e acabou sofrendo o gol aos cinco minutos. Após cobrança de escanteio, a bola ficou com Romarinho. Ele cruzou na cabeça de Ellton, que desviou para o fundo das redes, sem chances para o goleiro Renan Rocha.
O time visitante sentiu o gol e viu o Figueirense crescer na partida. Aos 13 minutos, Diego Renan cruzou para Elton. Em noite iluminada, o atacante acertou um bonito voleio para ampliar o marcador. O Paysandu, desta vez, tentou uma reação imediata, mas viu o chute de Thomaz ficar nas mãos de Vitor Caetano.

Ponte Preta 2 x 0 Coritiba - Macaca vence, entra no G4 e dorme na vice-liderança

O time campineiro venceu sete dos últimos oito jogos da Série B do Brasileiro
Ponte Preta passa pelo Coritiba - Reprodução/CoritibaA Ponte Preta é a mais nova integrante do G4 da Série B do Campeonato Brasileiro. O time campineiro assumiu a vice-liderança provisória ao derrotar o Coritiba por 2 a 0 na noite desta terça-feira, no Estádio Moisés Lucarelli, pela 37ª rodada.
Uma arrancada inacreditável: nas últimas oito rodadas foram um empate (contra o campeão Fortaleza) e sete vitórias. Ou seja, faturou 22 dos 24 pontos disputados.

terça-feira, 30 de outubro de 2018

Jatene liga para Helder Barbalho deseja bom governo e pediu que cumpra com suas promessas de campanha

O governador eleito Helder Barbalho recebeu uma ligação do atual governador do Pará, Simão Jatene, nesta segunda-feira (29), se prontificando fazer a transição de governo.
Durante a conversa foi decidido que o coordenador da campanha de Helder Barbalho, Parsifal Pontes, ficará responsável por conduzir os trabalhos em nome do eleito. 
Já o procurador geral do Estado, Ophir Cavalcante Júnior, e o auditor geral do Estado, Roberto Amoras, conduzirão a equipe do atual governo. Um espaço físico foi oferecido por Jatene para que a equipe possa trabalhar.
Todo o processo será acompanhado pelo Ministério Público do estado do Pará (MPPA) e pelo Tribunal de Justiça do Estado do Pará (TJPA).
Simão Jatene recomendou, durante reunião com os atuais secretários, transparência e unidade de procedimento no repasse das informações ao futuro governo.

Oito pessoas morreram e três estão em estado grave no Tapanã na grande Belém

As vítimas fatais foram identificadas como: Fernando Pantoja Costa, 18 anos; Jacob Almeida Braga, 22; Thiago Luiz Moraes dos Santos, de 23 anos; Vinicius dos Santos, 22; Monoel Evilasio Morais, de 22 anos; Diego Borges; Sávio Miller Silva; e Davi Thiago. Os três feridos seguem na Unidade de Pronto Atendimento do Tapanã.
Oito pessoas morreram e três estão em estado grave. Esse foi o saldo da chacina que assustou moradores no bairro do Tapanã, na Grande Belém.
Todas as vítimas tinham entre 18 e 25 anos, assassinadas a tiros em vários pontos do bairro onde moravam. E os assassinos: pelo menos quatro homens em duas motocicletas. 
Os crimes aconteceram no final da tarde de ontem (29), cinco dias depois da morte do sargento da Polícia Militar, João Batista Menezes Dias, de 50 anos. O militar foi morto com um tiro na cabeça enquanto voltava para casa, de motocicleta, junto com a esposa, na Rua das Hortênsias, na comunidade Capucho, naquele bairro.

segunda-feira, 29 de outubro de 2018

Canaã dos Carajás: Quase 50% dos eleitores não escolheram candidatos

Os nulos impressionam ainda mais: 10,84%. Somando os valores, 48,67% do eleitorado não escolheu ninguém para representa-lo no Governo do Estado e Presidência da República.
Em Canaã, a votação transcorreu de maneira tranquila e sem nenhum tumulto registrado. No entanto, apesar do bom andamento da celebração máxima da democracia no município, alguns números chamaram a atenção desde os primeiros minutos da apuração das urnas no município: votos em branco, nulo e a abstenção.
Dos mais de 39 mil eleitores registrados em Canaã neste ano, mais de 19 mil pessoas, ou seja 34,83% do número total, não foram às urnas para escolher seus candidatos.

Justiça condena ex-prefeito Joaquim Nunes de Prainha à multa e inelegibilidade de 3 anos

Joaquim Nunes, ex-prefeito de Prainha acaba de ser condenado em processo de improbidade administração ajuizado pelo município há cerca de 10 anos na Justiça Federal em Santarém. 
Por não ter prestado contas de recursos públicos canalizados pela União ao município do oeste do Pará, via Ministério do Desenvolvimento Agrário e na ordem de R$ 120.600,00, Nunes teve seus direitos políticos cassados por 3 anos e foi multado em R$ 15 mil. Também não poderá fechar negócios ou receber benefícios fiscais ou creditícios com poder público por 3 anos. A sentença foi proferida pelo juiz federal Érico Pinheiro, da 2ª Vara Federal de Santarém, na semana passada (dia 25).
O ex-prefeito pode recorrer da decisão junto ao TRF1 (Tribunal Regional Federal), da 1ª Região, em Brasília. “Todo gestor público está plenamente ciente de que deve prestar contas dos valores públicos que venham a ser administrados por si. Tendo exercido o cargo de Prefeito Municipal, é de considerar que o réu [Joaquim Nunes] tinha pleno conhecimento desta obrigação”, lembrou o magistrado na sentença de 5 páginas. “O requerido [Joaquim Nunes], embora citado, não contestou [as acusações], deixando de apresentar prova tendente a afastar tal conclusão” O juiz federal livrou o ex-prefeito de devolução do dinheiro público enviado a Prainha através do Pronaf (Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar). 
“Não é viável a condenação ao ressarcimento ao erário. Isto porque, embora demonstrada a ausência de prestação de contas, não há qualquer prova, nos autos, de que os recursos não foram regularmente empregados ou que o réu teria se apropriado ilicitamente destes”, justificou Érico Pinheiro. “Instadas a especificarem provas, as partes nada requereram para comprovar o suposto dano ao erário”

Após campanha com declarações autoritárias e recuos, governo Bolsonaro gera expectativa

Presidente eleito na hora do voto, ontemNos quatro meses de sua campanha, Jair Bolsonaro (PSL) fez diversas declarações vistas como autoritárias, como ao pregar o fim do ativismo e a classificação dos movimentos de sem-terra e sem-teto como terrorismo. Ele também bateu na tecla de fraudes nas urnas eletrônicas, refutadas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). A questão é o que será transposto ao seu governo, que começa em 1º de janeiro de 2019.
Em algumas ocasiões, ele recuou. Como depois da forte reação a um vídeo em que um de seus filhos, o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), falava em fechar o Supremo Tribunal Federal (STF). O então candidato pediu desculpas ao Judiciário. E, apesar de ter associado reportagens negativas a fake news, Bolsonaro assinou um compromisso para assegurar o direito à liberdade de imprensa.

Paraense Wilson Lima Eleito no amazonas com mais de 1 milhão de votos, afirma que fará 'governo técnico'

Wilson Lima (PSC) se pronunciou ao lado da esposa e do vice Carlos Almeida — Foto: Rickardo Marques/G1 AMJornalista foi eleito governador do Amazonas e assume, em janeiro de 2019, primeiro cargo político. Primeiras ações de gestão devem ser nas áreas de segurança, saúde e educação, segundo ele.
Em tom de agradecimento, o novo governador eleito em segundo turno no Amazonas, Wilson Lima (PSC), se pronunciou pela primeira vez neste domingo (28), logo após o anúncio da vitória. Durante coletiva de imprensa, o candidato disse que irá montar um "governo técnico". Lima foi considerado eleito com 87,49% das urnas apuradas.
Acompanhado do vice Carlos Almeida e de sua esposa, Wilson Lima chegou na sede do PSC, na Zona Centro-Sul de Manaus, por volta das 18h45. Ele iniciou o discurso ressaltando a escolha da população amazonense.

Helder Barbalho, do MDB, é eleito governador do Pará,e consolida vitória em Santarém

Ele derrotou Márcio Miranda, do DEM, com 55,43% dos votos válidos.
Helder Barbalho foi eleito neste domingo (28) governador do estado do Pará. Ele derrotou nas urnas Márcio Miranda, do DEM, com quem disputou o segundo turno das eleições. O resultado só foi confirmado com 92% das urnas apuradas, por volta das 18h50. A apuração encerrou por volta de 22h30, quando Helder alcançou 55,43% dos votos (2.068.319 votos); e Márcio Miranda, 44,57% (1.663.045 votos).
Helder disse que recebeu a notícia da vitória com muita felicidade e com muita alegria. 
"Estou sabendo que a responsabilidade de poder daqui para frente cuidar deste estado, cuidar de milhões de paraenses, e fazer com que a esperança deste povo se transforme em obras e serviços e qualidade de vida". Declarou o novo governador.
Em Santarém,o emedebista consolidou sua vitória no segundo turno.
O prefeito de Santarém,Nélio Aguiar disse que a vitória de Helder trás esperança para o povo de Santarém e região,que a anos vinha sendo esquecido por Simão Jatene e seu grupo.
" Acreditamos que ele vai ser o parceiro que estávamos precisando, não tenho dúvida que ele vai me ajudar a fazer mais pelo povo de Santarém", desabafou Nélio via WhatsApp.
Helder Barbalho consolidou vitória em  Santarém
 

quinta-feira, 25 de outubro de 2018

Mães denunciam falta de vacinas nos postos de saúde em Santarém

“É dolorido vermos que o nosso bebê não está sendo imunizado”, diz uma mãe
Lara Ferreira e Dra. Luana Viana relatam momentos de desespero para vacinar seus filhos
Nossa reportagem esteve no Parque da Cidade, com duas mães que passam por dificuldades todas as vezes que precisam levar seus filhos para tomar vacinas, pois periodicamente, todos os meses precisam desses medicamentos, fora as campanhas. Lara Ferreira, mãe do Edson Paixão, conta qual tem sido a sua maior dificuldade no momento em que ela tem que levar seu filho para se vacinar.
“Quando vou procurar a vacina no posto de saúde do meu bairro, que já é agendada por lá mesmo, sempre está em falta. Aí vai se prolongando e chega uma fase que o bebê completa a idade e não consegue mais a vacina, ou seja, ele não pode mais ser imunizado. Isso é uma preocupação. Na segunda-feira, eu e meu esposo, mais uma mãezinha da Nova República tivemos que ir a Mojuí dos Campos para vacinar nossos bebês, porque a vacina dele foi agendada para o dia 4 de outubro e desde então não tinha vacina no posto de saúde da Nova República. Nós andamos em outros postos, do Livramento, Santíssimo, Santa Clara e Fátima e essa vacina não tinha. Foi que ligamos para Mojuí dos Campos e eles falaram que nós poderíamos ir lá, que eles aplicavam a vacina. Nós só levamos mais uma mãe e lá nossos filhos foram vacinados. Até agora essa vacina não chegou em Santarém e eu creio que seja no Município todo, por isso fica complicado, porque nós, enquanto mães, temos uma preocupação a mais com essa questão. É dolorido vermos que o nosso bebê não está sendo imunizado. O que muitos falam, é que nós mães não procuramos o posto de saúde. Isso não é verdade, a gente procura sim, só que não tem vacina e aí a situação fica complicada. Se o bebê pega uma doença, porque ele não imunizado, é muito triste. A gente tem uma preocupação imensa com relação a isso”, disse Lara Ferreira.
ADVOGADA DIZ QUE CALENDÁRIO TEM DE SER RESPEITADO
A advogada Luana Viana, que é mãe do João Arthur, também passa por uma grande dificuldade todas as vezes que precisa levar seu filho para se vacinar:

Bairro Interventoria recebe Projeto Cultura na Comunidade pela 2ª vez

Oportunizar a divulgação de talentos em diferentes segmentos da arte é a diretriz do Projeto "Cultura na Comunidade", atividade da Prefeitura de Santarém, por meio da Secretaria Municipal de Cultura (Semc) em parceria com as representações comunitárias. A colaboração artístico-cultural agrada os moradores que fazem inúmeros pedidos de retorno, atendendo a um destes pedidos, o Projeto estará pela segunda vez no bairro Interventoria, nas dependências da Igreja Cristo Libertador, Rua Nova Olinda, esquina com Travessa Augusto Meira, nesta sexta-feira, às 20 horas.
Segundo o secretário municipal de cultura Luis Alberto Figueira toda a equipe da Semc engaja-se sempre em conjunto com as representações dos bairros e comunidades para tornar cada etapa um sucesso.
"O projeto idealizado em 2017 é um sucesso. Proporcionamos o cenário adequado para as apresentações artísticas, a interatividade entre artistas de vanguarda e iniciantes. A felicidade é maior quando retornamos e vemos no palco novos talentos da comunidade. É uma grande vitória para o governo municipal poder deixar a cultura mais próxima da população", explicou.
Na programação do bairro Interventoria estão as atrações: Banda Base, Grupo de Ginástica, Zilendson, Waldir Lemos, Amado Batista (Santarém) e Elício Gentil.
Serviço:
Projeto "Cultura Comunidade"
Data: sexta-feira (26)
Local: Barracão da Igreja Cristo Libertador.
Endereço: Rua Nova Olinda, esquina com Travessa Augusto Meira, bairro Interventoria.
Horário: 20h.
Mais informações:
Alciane Ayres - Assessora de comunicação da Semc
Contato: (93) 99179-4634 / E-mail: alcianeayres.jornalista@gmail.com

PF deflagra Operação Ouro de Sangue

Polícia Federal deflagrou, na manhã de hoje, 25, a operação Ouro de Sangue, com objetivo de combater compras ilegais de ouro nas cidades de Redenção, Ourilândia e Tucumã.
Foram cumpridos nove mandados de busca e apreensão em pontos de venda ilegais. O escopo principal da operação é desarticular a cadeia de ilegalidades do ouro extraído de aldeias indígenas e que envolve garimpos ilegais, compradores de outros estados/países, atacando por igual toda a corrente do metal precioso e seu comércio criminoso.
Esta etapa da investigação é mais uma ação dentro de uma série de medidas adotadas pela Polícia Federal que, junto com o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama), vem intensificando a atuação dos órgãos públicos na região. Informações obtidas na etapa anterior, quando houve grande atuação no interior da Terra Indígena Kayapó, na denominada Operação Muiraquitã, levaram a identificação de locais de comercialização ilegal do minério, e que atuam irregularmente sem autorização do Banco Central.

Instituto Wilson Fonseca: Diretor nega acusações de irregularidades e ressalta que está colaborando com as investigações

O diretor do Instituto Wilson Fonseca, o maestro José Agostinho da Fonseca Neto, negou as acusações de que há irregularidades na gestão da entidade. Na manhã desta quinta-feira, 25 de outubro, os promotores do Ministério Público Rodrigo Aquino e Bruno Fernandes estiveram na sede do Instituto para averiguar informações e documentos. O juiz Rômulo Brito, da 2ª Vara Criminal de Santarém, determinou seu afastamento da direção do Instituto Maestro Wilson Fonseca, pelo prazo de 180 dias, inclusive com proibição de manter contato com os integrantes da Banda Sinfônica e proibição de acesso às dependências do Instituto, até ulterior deliberação.

“Sabemos que todo o órgão que é beneficiado por investimento de recursos públicos, como é o nosso caso, está sujeito a essas situações. Estamos tranquilos em relação a isso porque estamos fornecendo toda a documentação e todas informações para que seja tudo devidamente esclarecido”, esclarece José Agostinho Neto.

Deflagrada 10° fase da Perfuga “Operação Primeira Arte”, no Instituto Maestro Wilson Fonseca

Foi deflagrada, na manhã dessa quarta-feira (25.10), mais uma fase da Operação Perfuga. Denominada “Operação Primeira Arte”, essa é a 10ª fase e tem como alvo o Instituto Maestro Wilson Fonseca, investigado por indício de desvio de recurso público do Município de Santarém. 
O Ministério Público Estadual, com atuação em Santarém, e Polícia Civil, cumpriram mandados de busca e apreensão, autorizados judicialmente pela 2ª Vara Criminal de Santarém.
O referido Instituto é beneficiado com recurso público municipal, decorrente da Lei Nº 15.939, de 21.03.1997. A Lei estabeleceu o limite máximo de 50 bolsas e tem como destinatário somente integrantes da Banda Sinfônica.
Pelas investigações, pessoas ligadas ao Instituto estariam, em tese, apropriando-se ilegalmente de parte da bolsa cultural, além de contemplar, indevidamente, pessoas estranhas aos integrantes da Banda Sinfônica com esse recurso público.
O nome da Operação, “Primeira Arte”, é uma referência à música, como a primeira das manifestações artísticas culturais mais conhecidas, a exemplo do cinema, classificado como a “sétima arte".
A investigação apura fatos ilícitos praticados, em tese, pelos gestores do Instituto Maestro Wilson Fonseca.
Pela decisão judicial, a gerência do Instituto foi afastada pelo prazo de 180 dias, inclusive com proibição de manter contato com os integrantes da Banda Sinfônica e proibição de acesso às dependências do Instituto, até ulterior deliberação.
O juiz determinou, também, ao diretor, a entrega do cartão e senha que movimenta a conta do Instituto, e deferiu o prazo de 15 dias para que seja eleita nova diretoria, provisoriamente, se os integrantes assim entenderem.

quarta-feira, 24 de outubro de 2018

Suspeito tem 26 anos e era foragido da Justiça. Valcir Lima foi encontrado com as mãos e pés amarrados na própria casa no bairro Planalto.

Suspeito de ter matado o professor Valcir Lima foi preso em Alenquer — Foto: 18ºBPM/DivulgaçãoO principal suspeito de amarrar, torturar e matar o professor e diretor Valcir Lima em Alenquer, no oeste do Pará, foi preso na manhã desta quarta-feira (24). 
As investigações apontam que o crime se caracteriza como latrocínio (roubo seguido de morte), pois os veículos não foram encontrados na casa da vítima.
Durante a prisão os policiais encontraram a motocicleta furtada em Santarém e apreenderam o veículo, que foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil de Alenquer juntamente com o suspeito. O jovem deve prestar depoimento e ficará à disposição da Justiça, podendo ser transferido para a Penitenciária Agrícola Sílvio Hall de Moura, uma vez que é foragido do sistema prisional.

Defensorias entram com ação cível na justiça pedindo suspensão no reajuste de energia elétrica no Pará

Uma ação cível está tramitando na justiça que ajuizada pelas defensorias públicas do Estado e da União, pedindo a suspensão do reajuste da conta de energia elétrica dos consumidores paraenses. Esse pedido de suspensão está relacionado ao reajuste previsto de 11, 75% no valor da conta de energia no estado.
As defensorias alegam que tanto a Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), quanto à concessionária Celpa, não teriam realizado uma audiência pública para comunicar o reajuste. Ainda segundo as defensorias, isso teria comprometido a transparência do processo já que não houve divulgação a respeito do procedimento. Além disso, as defensorias afirmam que esse tipo de procedimento acaba gerando abusividade no percentual estabelecido de reajuste, ou seja, as defensorias querem reconhecer as irregularidades do processo.

Segundo turno das eleições vai contar com 8500 agentes de segurança nos locais de votação

Cerca de 8500 agentes de segurança vão atuar em todo o estado no domingo (27), durante o segundo turno das eleições.
De acordo com a Secretária de Segurança Pública (Segup), as ações de segurança serão restabelecidas da mesma forma como aconteceu no primeiro turno. A operação no segundo turno iniciará a partir de 6h e finalizará após o término da comemoração realizada pelo candidato eleito ao Governo do Estado.
Ao todo, 60 municípios contarão com a presença da Força Nacional e 35 cidades com as guardas municipais locais. A Polícia Civil ficará responsável pelos flagrantes registrados, quando no local não houver agentes da Polícia Federal.

Tribunal confirma irregularidade de obra que assoreou o Lago do Juá, em Santarém (PA)

Indícios de irregularidades são evidentes, destacou desembargador federal

O Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1), em Brasília (DF) negou atendimento a pedido da empresa Sisa - Salvação Empreendimento Imobiliários e manteve válida decisão liminar (urgente) da Justiça Federal em Santarém (PA) que suspendeu o empreendimento Residencial Cidade Jardim, responsável por danos ao Lago do Juá, ao lado do rio Tapajós.
“São evidentes os indícios de irregularidades que se contrapõem às normas ambientais, verificadas pelos respectivos órgãos fiscalizadores, a ensejar na espécie atuação do Judiciário”, destacou o desembargador federal Hilton Queiroz em decisão que foi encaminhada para conhecimento do Ministério Público Federal (MPF), no último dia 16. A ação foi ajuizada pelo MPF e pelo Ministério Público do Estado do Pará (MPPA).
Assinada em janeiro deste ano pelo juiz federal Érico Rodrigo Freitas Pinheiro, a liminar foi contestada pela Sisa em recurso encaminhado ao TRF-1 em fevereiro. A empresa alegou que já existia um processo judicial tratando do mesmo assunto, que o empreendimento está regularmente licenciado, que não há perigo de danos ambientais, que as obrigações determinadas na liminar não podem ser revertidas e que a multa – de R$ 65 mil por dia de desobediência à Justiça – é muito alta.

Celpa assina termo de Cooperação e garante apoio à cultura de Santarém

Um momento emocionante que valoriza a cultura e toda a sociedade santarena
A solenidade de assinatura do Termo de Cooperação entre a Celpa e a Associação Artístico-Cultural Maestro Wilson Fonseca, ocorreu na noite da última segunda-feira, 22, na Casa da Cultura, em Santarém. Por conta dessa parceria serão feitos investimentos sociais na ordem de R$ 600 mil para a revitalização do prédio onde funciona o Instituto Maestro Wilson Fonseca na cidade do oeste do Pará. Parte do investimento também será utilizado na compra de novos equipamentos e instrumentos musicais.

terça-feira, 23 de outubro de 2018

Operação da Polícia Civil cumpre mandados de busca e apreensão em Santarém

Além dela, Adrielson Portela Neves, conhecido por Didi, também foi preso. Ele foi abordado em sua residência, onde foram encontrados uma televisão de 55 polegadas e um notebook, que teriam sido furtados da casa de um policial federal. Ele foi detido em flagrante delito pelo crime de receptação.Material apreendido durante a Operação "Retorno", da Polícia Civil — Foto: Divulgação/NAI
Na manhã desta terça-feira (23), o Núcleo de Apoio à Investigação (NAI) do Baixo Amazonas, da Polícia Civil de Santarém, no oeste do Pará, cumpriu quatro mandados de busca e apreensão por meio da Operação “Retorno”, que tem o objetivo de combater uma série de furtos ocorridos no município.
A operação foi comandada pelo delegado Rafael Augusto de Andrade, do NAI, e contou com o apoio da Seccional e da Superintendência de Polícia Civil, além do Poder Judiciário e do Ministério Público local. 

Conselheiro é afastado de Tribunal de Contas no Pará suspeito de receber propina de R$ 2,8 milhões

Por Gabriel Luiz e Braitner Moreira, G1 DF
Investigação da Polícia Federal em Brasília indica que suspeito usou rede de parentes e sócios para dissimular origem dos recursos. Operação foi autorizada pelo STJ.
A Polícia Federal faz nesta terça-feira (23) busca e apreensão na casa e no gabinete de um conselheiro do Tribunal de Contas dos Municípios do Pará (TCM-PA) em uma operação que apura se ele recebeu propina em contas bancárias.
A operação Nibelungo foi autorizada pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ), que também afastou o conselheiro do cargo e bloqueou os bens dele.