segunda-feira, 13 de julho de 2020

Brasil tem 1.864.681 casos de covid-19 e 72.100 mortes; no Pará são 126.509 casos e 5.293 óbitos

Em Santarém, agentes param ônibus para cobrar uso de máscarasBrasil
Neste domingo, 12, o novo balanço do Ministério da Saúde aponta 72.100 de vítimas fatais e 1.864.681 de casos confirmados de covid-19 desde o início da pandemia no Brasil.
Pará
Neste domingo, 12, a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa) atualizou os dados da pandemia no Pará. Segundo o órgão, já são 126.509 casos e 5.293 óbitos no Pará.

Sem acordo com governo sobre programa ambiental, indíos prometem bloquear BR-163 em Novo Progresso

(Foto:Arquivo Jornal Folha do Progresso) – A ameaça de lideranças indígenas, que prometem levar os 1.200 índios da região para fechar a rodovia em Novo Progresso.
A falta de entendimento entre órgãos do governo federal e povos indígenas que tiveram suas terras atravessadas pela BR-163, no Pará, poderá levar à paralisação do tráfego da estrada, principal rota rodoviária de escoamento de grãos do País. A ameaça de lideranças indígenas, que prometem levar os 1.200 índios da região para a rodovia, tem origem na ausência de uma solução sobre as compensações ambientais assumidas pelo governo, por causa dos impactos da estrada nas terras indígenas da região.

Pedreiro é agredido com cassetete, pisão e socos, e ainda tem a perna quebrada por policiais militares no município de Prainha

Maxdiego quebrou a perna direita, foi levado em uma viatura ao hospital; ele fez cirurgia em Santarém  — Foto: Reprodução/Facebook O fato aconteceu na sexta-feira, no Distrito Santa Maria do Uruará, município de Prainha. 
Um pedreiro teve a perna direita quebrada após ser abordado por policiais militares no distrito de Santa Maria do Uruará, em Prainha, no oeste do Pará. O caso aconteceu na noite de sexta-feira (10) e ganhou repercussão neste fim de semana nas redes sociais.
De acordo com Maxdiego de Araújo, ele e a família estavam comemorando o aniversário da esposa e, por volta das 22h, uma guarnição foi até a casa da família pela primeira vez e pediu para encerrarem a comemoração.
Ainda segundo o pedreiro, minutos depois a guarnição retornou ao local, mas Maxdiego já não estava na residência. Nesse momento, um sobrinho do pedreiro foi agredido pelos policiais.

sexta-feira, 10 de julho de 2020

Homem é preso em flagrante com 8 armas de fogo em casa, em Belterra

Materiais apreendidos foram apresentados na delegacia em Belterra — Foto: Polícia Civil/DivulgaçãoNa casa do suspeito a Polícia encontrou ainda materiais, como canos de espingarda e coronhas, utilizadas na confecção das armas.
Após denúncias anônimas de que um homem possuía diversas armas de fogo em casa, a Polícia Civil de Belterra, no oeste paraense, prendeu em flagrante, nesta sexta-feira (10), por volta das 11h, Alexandre de Carvalho Soares.

PM prende casal de assaltantes pivô do acidente que matou personal trainer

Eles foram pegos seis horas após a tragédia, no Bairro Vale do Sol, por uma guarnição da Rocam. Portavam imitação de arma de fogo, celulares roubados e drogas.
O casal Wesley Oliveira Santana, 21 anos de idade, e Cleidiane Progénio da Silva, 22, foi preso pela Ronda Ostensiva com Apoio de Motos (Rocam) da PM, conduzido à 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil de Parauapebas, por volta das 20h30, de ontem, quinta-feira, (9), e entregue ao delegado plantonista Nelson Alves Júnior. Eles são acusados de terem cometido vários assaltos na cidade e foram flagrados com drogas e uma imitação de arma de fogo.
A dupla vinha sendo procurada e está sendo responsabilizada pelo acidente com a caminhonete do GTO que provocou a morte da personal trainer Aldeane dos Santos Silva, 29 anos de idade, atropelada pelo veículo policial no cruzamento da Avenidas W1 com a Rua N-1, no Bairro Cidade Jardim, na tarde de ontem.
O casal foi preso durante ronda no Bairro Vale do Sol, onde a guarnição se deparou com a dupla, em atitude suspeita, em uma moto Honda Pop, preta, placa QVE- 9D92, roubada, conduzida por Wesley, enquanto na garupa estava Cleidiane.
Ao avistar a guarnição o piloto fugiu sendo perseguido pela Rocam, instantes depois se desequilibrou, indo ao chão. Na abordagem e revista pessoal os policiais encontraram na cintura de Wesley uma imitação de pistola calibre 24/7 e, com Cleidiane, duas bolsas femininas, uma azul e outra amarela. Dentro de uma delas foram encontrados três aparelhos celulares, segundo os PMs, provavelmente oriundo de roubo.
Indagada pelos PMs se havia outros objetos, a mulher retirou da cintura um grama de cocaína, 3,5 gramas de crack e 9,7 gramas de maconha. Na casa do casal a polícia encontrou mais dois celulares roubados. Após receber vos de prisão a dupla que já havia realizado quatro assaltos foi conduzida para a Delegacia de Polícia Civil.

Operação cumpre 73 mandados de prisão de pessoas ligadas a facções criminosas no Pará

Operação cumpre 73 mandados de prisão de pessoas ligadas a facções criminosas em Belém e interior do Pará - 100 mandados de busca e apreensão também foram cumpridos
A Polícia Civil do Pará deflagrou na madrugada desta sexta-feira, 10, a operação Vento Norte, para cumprir mais de 100 mandados de busca e apreensão e 73 mandados de prisão preventiva.
Foram apreendidos durante a operação armas e uma quantia em dinheiro. A megaoperação está sendo efetuada nos municípios de Igarapé-Miri, Abaetetuba, Barcarena, Moju e Belém.

PRF apreende 1,1kg de drogas em bagagem de fiscalização na BR-163

Droga encontrada pela PRF em bagagem de passageiro de ônibus na BR-163 — Foto: PRF/DivulgaçãoO ônibus que ia para Altamira foi parado no Km 995. A droga tinha como destino final o estado do Maranhão.
Durante fiscalização de repressão ao tráfico de entorpecentes no fim da tarde de quinta-feira (9), no Km 995 da BR-163, em Santarém, oeste do Pará, a Polícia Rodoviária federal (PRF) localizou em um ônibus que tinha como destino a cidade de Altamira, região sudoeste, um pacote contendo 1,100 Kg de substância entorpecente (Skunk). A droga estava na bagagem de um passageiro.

quarta-feira, 8 de julho de 2020

PF investiga grupo criminoso que se apossou de mais de R$ 64 milhões no Pará

...Ação dos criminosos concentra-se em se utilizar de empresas fantasmas.
A Polícia Federal realizou na manhã desta quarta-feira, 08, a operação ‘Magna Dolum’, que investiga fraudes em licitações destinadas à execução de obras públicas majoritariamente nos municípios de Conceição do Araguaia, Santa Maria das Barreiras e na Secretaria Estadual de Transportes do Pará (Setran). 

Pré-candidatura de Patrocínio à Prefeitura de Belterra vem ganhando força

Em Belterra, blogueiro avança com pré-candidatura à prefeitura ...A seu favor está a rejeição dos grupos do atual Prefeito e do apoiado por Helder
Sem o toma-lá-dá-cá, sem prometer favores e cargos para partidos políticos, a pré-candidatura do blogueiro Patrocínio (PSDB) à prefeitura de Belterra vem ganhando força e já é vista como a terceira via na disputa eleitoral.
A seu favor está a rejeição dos dois principais grupos, um encabeçado pelo atual gestor e outro apoiado pelo governador Helder Barbalho, envolto em sérias e graves denúncias de corrupção no Estado.
Patrocinio é o típico caboclo pé no chão. Com humildade vem ouvindo os anseios dos belterrenses e já tem boa representatividade nas redes sociais.

segunda-feira, 6 de julho de 2020

Governo amplia vetos na lei que torna obrigatório o uso de máscara

Decretado uso obrigatório de máscaras de proteção facial em ...O governo republicou hoje (6), no Diário Oficial da União, dois artigos da lei sancionada na última sexta-feira (3) que torna obrigatório o uso de máscaras de proteção individual em espaços públicos e privados, mas acessíveis ao público, durante a pandemia de covid-19. Com o ato, foram ampliados os vetos à medida.

Justiça julga hoje,6, os policiais militares envolvidos na chacina do Guamá

Justiça julga hoje,6, os policiais militares envolvidos na chacina do Guamá - Crédito: Portal Roma NewsO julgamento dos quatro policiais militares envolvidos na chacina do Guamá ocorre hoje, 6. Eles serão julgados pela Justiça Militar do Estado. A audiência está marcada para às 9h, na sede da instituição, localizada na Rua 16 de Novembro, em Belém.
Os PMs José Maria da Silva Noronha (cabo Noronha); Pedro Josemar Nogueira da Silva (cabo Nogueira); cabo Wellington Almeida Oliveira; Leonardo Fernandes de Lima (cabo Leo) são acusados de participação na matança que ocorreu em 19 de maio de 2019, na Passagem Jambu, no bairro do mesmo nome, onde funcionava o Bar da Wanda, onde 11 pessoas foram barbaramente assassinadas no local.

Corpo de idoso é encontrado em rio às margens da BR 230, em Rurópolis; polícia investiga o caso

Corpo de idoso é encontrado em rio às margens da BR 230, em Rurópolis — Foto: Polícia Civil/DivulgaçãoPolícia já possui uma linha de investigação, que aponta como a hipótese de latrocínio.
Populares encontraram o corpo de um idoso em rio às margens da BR-230, em Rurópolis, sudoeste do Pará, na tarde de sábado (4). A vítima foi identificada como Adélio Adalibio Bischoff, de 76 anos.
Segundo a Polícia, as equipes policiais estiveram no local e conseguiram resgatar o corpo antes que fosse levado pelas águas. No local, realizaram a identificação da vítima, a qual era natural de Nova Petrópolis (RS) e atualmente era morador da Comunidade da Água Azul, Km 85 da BR 230.

Prefeito de Mojuí dos Campos assume interinamente presidência da AMUT

Jailson Alves sendo notificado na sua nova função
O prefeito de Mojuí dos Campos, no oeste do Pará, Jailson da Costa Alves, assumiu interinamente a presidência da Associação dos Municípios das Rodovias Transamazônica, Santarém-Cuiabá e Região Oeste do Pará – AMUT, entidade que congrega 20 municípios. Jailson foi alçado à presidência do Conselho Fiscal e no período eleitoral passa a representar a AMUT em reuniões, eventos e demais circunstâncias onde for necessária representação da instituição.
O Prefeito mojuiense é o único que não vai disputar reeleição, por estar finalizando seu segundo mandato consecutivo. Jailson entra pra história como primeiro Prefeito de seu Município, tendo sido antes Vereador por Santarém e presidente do Conselho Comunitário da então Vila de Mojuí dos Campos.
O reconhecimento do Prefeito como presidente do Conselho Fiscal da entidade ocorreu no dia 1° deste mês e no dia 04, o secretário geral da instituição esteve no Município para comunicar Jailson Alves.

sexta-feira, 3 de julho de 2020

COVID19 - JUSTIÇA VOLTA A DETERMINAR SUSPENSÃO DE SERVIÇOS NÃO ESSENCIAIS POR 15 DIAS EM URUARA

Justiça volta a determinar fechamento de atividades não essenciais em Uruará.
Na manhã desta sexta-feira, 03, saiu uma decisão da justiça determinando o fechamento das atividades não essenciais no município de Uruará. 
Segundo a decisão da justiça, os serviços não essenciais ficarão suspensos por 15 dias e o município deverá intensificar a fiscalização do cumprimento das medidas de prevenção e enfrentamento à Covid-19, conforme o Decreto Estadual 800/2020.
A juíza, Caroline Bartolomeu Silva, acatou a Ação Civil Pública com pedido de Tutela de Urgência proposta pelo Ministério Público do Estado do Pará para que o município adote medidas eficazes para manter o isolamento social, a fim de conter a disseminação da COVID-19.
Segundo aponta o mandado, o município de Uruará está classificado como risco alto para o novo coronavírus segundo o projeto RetomaPará criado pelo decreto 800/2020 do Governo do Estado, ou seja, o município apresenta alta transmissão do vírus e baixa capacidade de resposta do sistema de saúde, não sendo recomendado a abertura de espaços públicos, atividades imobiliárias, escritórios, bares, restaurantes, comércio de rua, salão de beleza, academia, promover eventos inclusive esportivos, construção civil, educação, igreja, turismo, escolas e clubes sociais.
A determinação da juíza é de que as atividades não essenciais sejam suspensas imediatamente, mas medida deve ser cumprida no município a partir deste sábado ou a partir da próxima segunda-feira. 
As atividades não essenciais já haviam sido suspensas do dia 05 ao dia 20 de junho.
Por Joabe Reis.

quarta-feira, 1 de julho de 2020

Câmara aprova PEC que adia para novembro eleições deste ano

Calendário previa eleições nos dias 4 e 25 de outubro; PEC adia primeiro turno para 15 de novembro e o segundo, para 29 de novembro. Texto será promulgado nesta quinta (2).
A Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (1º) a proposta de emenda à Constituição (PEC) que adia para novembro as eleições municipais deste ano em razão da pandemia do novo coronavírus.
Pelo calendário eleitoral, o primeiro turno estava marcado para 4 de outubro, e o segundo, para 25 de outubro. A PEC adia o primeiro turno para 15 de novembro, e o segundo, para 29 de novembro.
O texto-base foi aprovado em primeiro turno por 402 votos a 90 (houve 4 abstenções). No segundo turno, a PEC foi aprovada por 407 votos a 70 (houve 1 abstenção).
O texto já foi aprovado pelo Senado e seguirá para promulgação, pelo Congresso Nacional. A sessão está marcada para a manhã desta quinta-feira (2).
Na votação em primeiro turno, os deputados aprovaram dois destaques, isto é, modificações no texto. No entanto, técnicos da Câmara explicaram que as mudanças não exigirão que o texto volte para nova análise do Senado.
O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) tem defendido o adiamento como medida para minimizar o risco de contágio da doença, mas desde que seja ainda para este ano.
Data-limite
Caso um município ou estado não apresente condições sanitárias para realizar as eleições em novembro, o Congresso poderá editar um decreto legislativo designando novas datas para a realização do pleito, tendo como data-limite o dia 27 de dezembro de 2020.
Inicialmente, a proposta aprovada pelos deputados previa que, no caso dos municípios nesta situação, caberia ao TSE definir nova data. No entanto, os parlamentares aprovaram um destaque para modificar a PEC e deixar a regra igual à dos estados.
Outra mudança aprovada foi a supressão de um dispositivo que dizia que caberia ao TSE promover a adequação das resoluções anteriores ao novo calendário. Com isso, o entendimento é que qualquer adequação precisará passar pelo Legislativo..
Outros pontos
Saiba outros pontos previstos na PEC:
Registro de candidaturas: O prazo atual é até 15 de agosto. Pelo texto, os partidos poderão solicitar à Justiça Eleitoral o registro dos candidatos até 26 de setembro;
Convenções: Hoje, o calendário eleitoral determina que as convenções dos partidos para a escolha de candidatos aconteçam entre 20 de julho e 5 de agosto. Pela PEC, o prazo passa a ser entre 31 de agosto e 16 de setembro e por meio virtual;
Propaganda: A PEC altera ainda trecho da legislação eleitoral que proíbe publicidade institucional nos três meses anteriores ao pleito. Pelo texto aprovado, as prefeituras poderão, no segundo semestre deste ano, fazer publicidade institucional de atos e campanhas dos órgãos públicos municipais destinados ao enfrentamento à pandemia do coronavírus e à orientação da população quanto a serviços públicos e a outros temas afetados pela pandemia. Eventuais condutas abusivas serão apuradas.
Datas
A proposta fixa datas para a realização de eventos relacionados à campanha eleitoral. Pelo texto:
a partir de 11 de agosto: as emissoras ficam proibidas de transmitir programa apresentado ou comentado por pré-candidato, sob pena de cancelamento do registro do beneficiário;
entre 31 de agosto e 16 de setembro: prazo para a realização das convenções para escolha dos candidatos pelos partidos e a deliberação sobre coligações;
até 26 de setembro: prazo para que os partidos e coligações solicitem à Justiça Eleitoral o registro de candidatos;
após 26 de setembro: prazo para início da propaganda eleitoral, também na internet;
a partir de 26 de setembro: prazo para que a Justiça Eleitoral convoque partidos e representação das emissoras de rádio e TV para elaborarem plano de mídia;
27 de outubro: prazo para partidos políticos, coligações e candidatos divulgarem relatório discriminando as transferências do Fundo Partidário e do Fundo Especial de Financiamento de Campanha (Fundo Eleitoral), os recursos em dinheiro e os estimáveis em dinheiro recebidos, bem como os gastos realizados;
até 15 de dezembro: para o encaminhamento à Justiça Eleitoral do conjunto das prestações de contas de campanha dos candidatos e dos partidos políticos, relativamente ao primeiro turno e, onde houver, ao segundo turno das eleições;
até 18 de dezembro: será realizada a diplomação dos candidatos eleitos em todo país, salvo nos casos em que as eleições ainda não tiverem sido realizadas.

Teste de vacina de covid-19 funciona e Pfizer pode produzir 1 bi de doses

Vacina coronavírusCom os resultados positivos, a Pfizer viu suas ações subirem mais de 4% na bolsa americana
Julho já começou com uma boa notícia e a vacina experimental contra o novo coronavírus produzida pela gigante farmacêutica Pfizer em parceria com a empresa de biotecnologia BioNTech demonstrou bons resultados em testes com humanos. A vacina estimulou a resposta imune dos pacientes saudáveis, mas também causou efeitos colaterais, como febre, em doses mais altas.
O estudo foi randômico e testado em 45 voluntários que receberam três doses da vacina ou placebo; destes, 12 receberam uma dose de 10 microgramas, outros 12 tomaram 30 microgramas, mais 12 receberam uma dose de 100 microgramas e nove foram tratados com a versão em placebo da vacina.
A dose mais alta, de 100 microgramas, causou febre em metade dos participantes do teste — por conta dos efeitos colaterais, o grupo não recebeu uma segunda dose.

terça-feira, 30 de junho de 2020

O publicitário e blogueiro Xaropinho não será candidato em 2020

Blogueiro Xarope está sem partido, e vai apoiar a pré-candidatura de Aline Cardoso
XAROPINHO DO POVO foi candidato a nas eleições passadas e surpreendentemente obteve cerca de 23 mil votos contrariando as expectativas de seus adversários que mal conseguiria se sobressair na campanha eleitoral. Dez mil votos somente em Santarém. 
Ele não apenas se sobressaiu como mantém o ritmo irreverente, polêmico e por que não dizer, autentico em suas decisões e caminhos a seguir. Um exemplo disso foi a sua decisão em sair do partido que o abrigou nas eleições, o PCdoB, Partido Comunista do Brasil, mas se desfiliou do referido partido por discordâncias sobre a forma como vinha sendo conduzido aqui no município. 
Hoje, Hiromar Cardoso, o Xaropinho do Povo, esta sem partido, mas na luta pela renovação da Câmara, contra a reeleição para a vereador em Santarém. “Santarém precisa mudar seus quadros políticos nesta eleição. 
E uma necessidade, visto que há décadas a política em Santarém parece ser herança familiar, passando de pai pra filho, e os mesmos continuam no poder há anos, principalmente no poder legislativo”, apontando como uma das principais causas de Santarém estar tão estagnada em seu desenvolvimento. 
A experiência política, na lida com o trabalho jornalístico desenvolvido há décadas também, lhe permite afirmar que é hora de “sangue novo, de gente que esteja disposta e com garra pra lutar pela nossa cidade tão abandonada e esquecida. Santarém e usada apenas como trampolim político. E na Câmara, acontece a mesma coisa, falta compromisso social, falta vergonha na cara de brigar pelos direitos da população que paga seus impostos”, diz xaropinho. 
Xaropinho atualmente esta ‘apostando suas fichas’ em Aline Cardoso, uma jovem santarena, com potencial de voto nestas eleições. “estou apresentando Aline Cardoso, como uma das grandes promessas de renovação no Poder Legislativo. 
Ela é jovem, mas com um amadurecimento político incrível. A sua visão de mundo se caracteriza especialmente para o atendimento aos menos favorecidos. Ela já vinha fazendo seu trabalho e eu nem sabia, mas quando soube, fiquei muito feliz, porque ela, como jovem, também acredita que a juventude deve estar compromissada com as justiças sociais para mudar esse cenário desolador que é a Câmara em Santarém ”, frisou muito orgulhoso da novidade, afirmando ainda que este e o principal motivo de não vir como candidato nestas eleições. 
Aline Cardoso é funcionaria pública, da secretaria municipal de saúde, e entrou com pedido de desincompatibilização de cargo junto ao TSE, para concorrer como pré-candidata à vereadora, apoiando a promotora e ex-prefeita Maria do Carmo. 

Pioneiro da rádio e TV em Itaituba, apresentador morre vítima de covid-19

Jota Camargo, como era conhecido, estava internado na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e faleceu na manhã desta terça-feira (30).
O apresentador de TV e radialista João Evangelista Soeiro da Silva, mais conhecido como Jota Camargo, que atuava na TV Cidade Dourada, afiliada da Rede TV em Itaituba, morreu na madrugada desta terça-feira (30), vítima de covid-19. Ele tinha 66 anos de idade e estava internado desde da última sexta-feira (30) na Unidade de Pronto Atendimento (UPA). Camargo teve uma crise de falta de ar e parada cardiorrespiratório.
Segundo informações, o comunicador começou a sentir sintomas da covid-19 em 14 de junho, iniciou um tratamento e estava se recuperando bem, porém, contraiu pneumonia e também princípio de Acidente Vascular Cerebral (AVC). Dessa forma, foi internado na UPA, apresentou complicações da doença, onde veio a falecer às 05h desta quarta.
Atualmente, Camargo apresentava na TV o Programa Porteira Aberta, no qual teve que ser afastado por conta da pandemia. Ele convidou seu amigo e pupilo, Antônio Kaiser, comunicador da imprensa itaitubense, para apresentar um outro programa na rádio em seu lugar.
Antônio Kaiser, relatou ao Giro o legado deixado pelo pioneiro da comunicação no município. “Ele [J. Camargo] me deu oportunidade para trabalhar com ele na porteira aberta. Camargo iniciou na televisão e foi um dos primeiros reportes de TV. Ele gostava tanto do cantor Roberto Carlos que chegou a apresentar um programa no rádio chamado - Cantando com o Rei”, disse Kaiser.

Atraso na entrega do hospital do Tapajós deixa 6 cidades do PA sem leitos de UTI para tratar a Covid-19

Atraso na entrega do hospital do Tapajós deixa 6 cidades do PA sem ...Região soma 3.702 casos e 58 mortes de Covid-19 até esta segunda. Moradores protestam há anos devido aos atrasos na entrega das obras que começaram em 2013.
O atraso na entrega do Hospital Regional do Tapajós, em Itaituba, sudeste do Pará, motiva manifestações de moradores na cidade. Sem o hospital, a região do Tapajós fica sem leitos para tratar a Covid-19 pela rede estadual. A ocupação de leitos é 0%, segundo dados do governo.
O governador Helder Barbalho (MDB) havia anunciado a entrega para a última sexta (26) e agora o novo prazo passou a ser na primeira quinzena de julho, segundo o governo.
Segundo a direção, a unidade ainda deve funcionar, inicialmente, sem a capacidade total, somente para casos de Covid-19.
A unidade deveria estar funcionando com 54 leitos clínicos e 20 de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para atender seis municípios, que somam 3.702 casos e 58 mortes de Covid-19 até esta segunda.
Casos e mortes de Covid-19 em 29/06 na região Tapajós, no PA
Município Casos Mortes
Aveiro 118 3
Itaituba 2462 42
Jacareacanga 397 7
Novo Progresso 346 1
Rurópolis 377 3
Trairão 156 2
Total 3702 58
Fonte: Sespa

Juiz determina bloqueio de 1 milhão de reais das contas do Instituto IPG, responsável pela administração do Hospital de Campanha de Santarém.

Justiça determina bloqueio de R$ 1 mi nas contas da OS que ...O Juiz Claytoney Passos Ferreira, decidiu pelo bloqueio judicial de R$ 1.000.000,00 (um milhão de reais) das contas bancárias vinculadas ao Instituto Panamericano de Gestão (IPG), Organização Social (OS) responsável pela administração do Hospital de Campanha de Santarém.
A decisão foi no âmbito da Ação Civil Pública (PROCESSO: 0803302-83.2020.8.14.0051) ajuizada pelo Ministério Público do Estado, que questiona a falta de transparência na aplicação dos recursos públicos repassados pelo Governo do Estado à OS.
Ainda de acordo com a sentença, o Estado do Pará deverá depositar em conta judicial vinculada ao processo, “todos os repasses de numerário referentes ao contrato de gestão nº 03/2020/SESPA, a serem liberados judicialmente somente após a comprovação de transparência nos autos acerca da licitude do emprego específico do recurso pela ré [IPG], mediante manifestação prévia pelo Ministério Público”, determinou o magistrado.
O Juiz estabeleceu multa pessoal de R$ 20.000,00 (vinte mil reais), a Maria José Nunes de Oliveira, representante do IPG, em razão do descumprimento da decisão judicial e do dever de cooperação processual..

Covid-19 mata escrivão da Polícia Civil de Santarém, Rui Nelson

O escrivão da Polícia Civil de Santarém, Rui Nelson Costa Pereira não resistiu ao tratamento da covid-19 e morreu na noite desta segunda feira (29) no Hospital de Campanha de Santarém onde estava internado desde a semana passada.
De acordo com as primeiras informações, Rui Nelson estava entubado no Hospital de Campanha após agravar o quadro da covid-19. 
Rui Nelson atuava como escrivão da Policia Civil e, atualmente, estava lotado na UPP de Alter do Chão.

Menina de Rurópolis vence coronavírus, após passar 40 dias na UTI de hospital em Santarém

Menina de 10 anos reencontra os pais após passar 40 dias na UTI do ...Em tratamento pelo novo coronavírus no Hospital Regional do Baixo Amazonas (HRBA), em Santarém, município do oeste paraense, a pequena Núbia dos Santos Sousa, de apenas 10 anos, reencontrou os pais na segunda-feira, 29.
Núbia, que é natural da cidade de Rurópolis, ficou internada por 40 dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Pediátrica do HRBA, unidade do Governo do Pará e gerenciada pela Pró-Saúde. Ela recebeu alta médica após se recuperar da doença.
Na saída do hospital, os pais, acompanhados de outros familiares, esperavam ansiosos para ver a filha novamente. Do lado de dentro, a ansiedade tomava conta da garotinha, que não conteve as lágrimas ao ver a família. Ela estava vestida com a roupa da Mulher-Maravilha, uma heroína da cultura popular, em representação a luta, coragem e força com a qual a Núbia enfrentou a distância dos pais e a Covid-19.
“É uma emoção muito grande. Tivemos sempre muita preocupação, mas estávamos confiantes em Deus. Tive fé também no trabalho dos profissionais. Minha filha é um milagre, desde os três meses que lutamos. Se ela está viva é porque Deus permitiu, isso é obra dele”, afirma emocionada a mãe, Norma dos Santos Sousa.
A primeira paciente infantil do Hospital Regional do Baixo Amazonas confirmada para a Covid-19, Núbia também se tornou a primeira criança a se recuperar da doença e receber alta. Ela deu entrada na unidade em 21 de maio deste ano, em estado grave e em uso de oxigênio.

Núbia recebeu cuidados da equipe multiprofissional, mas desde os três meses de idade já luta contra uma doença pulmonar crônica. Ela possui asma e já precisou fazer tratamento contra tuberculose. Nos 40 dias internada, a menina se mostrou sempre com uma vontade imensa de viver, sendo um exemplo e inspiração para toda a equipe multiprofissional no HRBA.
A pequena é a 97º paciente a ser recuperar da Covid-19 no Hospital Regional do Baixo Amazonas. A unidade é referência para 1,3 milhões de pessoas residentes em 30 municípios da região Oeste do Pará, Xingu e Baixo Amazonas, sendo reconhecido como um dos dez melhores hospitais públicos do Brasil. É certificado pela Organização Nacional de Acreditação com o nível máximo de qualidade, a ONA 3 – Acreditado com Excelência. A unidade presta atendimento 100% gratuito e é referência no tratamento de casos da Covid-19 na região.
Ao todo, o HRBA possui 153 leitos e, com as adequações feitas, conta agora com 52 leitos exclusivos para atendimento dos casos relacionados a doença, sendo: 45 leitos de UTI Adulto, 3 leitos de UTI Neonatal e 4 leitos de UTI Pediátrica.
Fonte: Ascom/HRBA
 G1 Santarém e região: notícias e vídeos da TV Tapajós

PF entra na sede do governo e faz buscas na casa de Wilson Lima, em Manaus

Governador do AM é alvo de busca em operação da PF sobre suspeita ...A Polícia Federal desencadeou na manhã desta terça-feira (30) uma nova operação de busca e apreensões em Manaus (Amazonas).

Segundo o Portal do Holanda apurou, os alvos são altos funcionários do governo do Amazonas e empresários ligados ao setor de saúde. Agentes da PF se encontram neste momento na sede do governo, no bairro da Compensa e no Conjunto Vila Rica, no Adrianopólis, onde mora o governador Wilson Lima.
Os agentes também estão na sede da Secretaria de Saúde do Estado (Susam).
Fonte: Portal do Holanda

segunda-feira, 29 de junho de 2020

Prefeito Gilsinho anuncia inauguração do Complexo Esportivo da Vila Brasil


Portal Santarém - Prefeito de Uruará anuncia inauguração do ...Viabilizada pela Prefeitura de Uruará, no Pará, junto ao Governo Federal, no Ministério do Esporte, o Complexo Esportivo da Vila Brasil vai melhorar muito a qualidade de vida das pessoas, oferecendo o Ginásio Esportivo, Pista de Saltos, Bicicletário, Academia, Área de Jogos, Pista de Skate, Quadra de Vôlei (Areia), Playground, Pista de Corridas e Estacionamento.
"Uma obra de suma importância para o Município. Uma ótima opção de lazer, entretenimento e um espaço para cuidarmos da nossa saúde através de atividades físicas. Além de ser moderna, linda, vai embelezar e valorizar muito esta área do Município de Uruará", celebrou o prefeito Gilson Brandão.
A obra será inaugurada através das redes sociais, com transmissão via Live, com data e horário ainda a serem divulgados.
EM URUARÁ, ANO LETIVO SERÁ RETOMADO COM ENSINO REMOTO
Neste próximo mês de julho, a Secretaria de Educação retornará o ano letivo com ensino remoto aos alunos da Rede Municipal.
A distribuição do material de estudo para os alunos acontece a partir desta segunda-feira, dia 29 de junho. Cada escola criará uma dinâmica de distribuição, tomando todos os cuidados e as recomendações necessárias, evitando aglomerações.
Na ocasião, diretores, supervisores e professores, irão orientar os pais sobre como será a nova dinâmica de estudo.
No último dia 24 de junho, de forma ordenada e com horário pré-estabelecido, os diretores e supervisores das escolas, receberam os materiais de estudo.
Todo o material elaborado teve o acompanhamento do prefeito Gilson Brandão. “Tivemos o apoio dos professores, supervisores, equipe pedagógica, diretores e as recomendações dos Conselhos de Educação tanto Municipal, quanto Estadual, e as orientações do Ministério da Educação. Assim, estaremos, mesmo que de forma remota, onde o aluno estará em sua casa recebendo conhecimento, a interação com o professor, garantindo a segurança em saúde de todos”, explicou o prefeito Gilsinho Brandão.
Por Cirineu Santos

PEC para adiamento das eleições também altera as datas do calendário eleitoral

A Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que adia as eleições municipais de 2020, aprovada nesta semana no Senado, também altera as datas do calendário eleitoral. 
Entre as mudanças estabelecidas na proposta está o adiamento, de 30 de junho para 11 de agosto, da proibição de veiculação de programas de televisão que sejam apresentados ou comentados por pré-candidatos. Outra mudança trazida pela PEC se refere à data limite de registros de candidaturas, que passa de 14 de agosto para 26 de setembro. 
Vale ressaltar que a proposta ainda precisa ser aprovada pela Câmara dos Deputados, onde também pode ser alterada. O presidente da Casa, deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirma que a apreciação deve ocorrer na próxima semana. O relator do projeto no Senado, senador Weverton Rocha (PDT-MA), afirma que os candidatos das eleições deste ano não serão prejudicados com a alteração das datas das obrigações junto à Justiça Eleitoral. 
Segundo ele, as mudanças ocorrem de forma proporcional à data da eleição, conforme o que já estava estabelecido no calendário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

sexta-feira, 26 de junho de 2020

Atleta e professor de Jiu-Jitsu, Marcos Vieira, morre de covid-19 em Santarém

Marcão morreu nesta sexta-feira (26) no HRBA em Santarém — Foto: Reprodução/Redes sociaisMarcão, como era conhecido, tinha 35 anos e morreu no Hospital Regional do Baixo Amazonas nesta sexta-feira (26)
Por Dominique Cavaleiro, GloboEsporte.com Santarém
O Jiu-Jitsu de Santarém está de luto com o falecimento do professor e atleta Marcos Vieira, 36 anos, vítima da covid-19. Conhecido como “Marcão”, o atleta se destacava por ser um dos maiores incentivadores da modalidade entre iniciantes e crianças em Santarém.
Marcão estava internado no Hospital Regional do Baixo Amazonas (HRBA), onde estava recebendo o tratamento e lutando pela vida, mas no fim da tarde desta sexta-feira o atleta não resistiu e morreu.

Brasil tem 1.055 mortes por coronavírus em 24 horas, mostra consórcio de veículos de imprensa; são 56.109 no total

Brasil registra 54 novas mortes por coronavírus; total de óbitos é ...País tem ainda 1.280.054 casos confirmados de Covid-19.
O Brasil teve 1.055 mortes registradas em razão do novo coronavírus em 24 horas, mostra levantamento feito pelo consórcio de veículos de imprensa junto às secretarias estaduais de Saúde. Com isso, são 56.109 óbitos pela Covid-19 até esta sexta-feira (26) no país. Veja os dados, consolidados às 20h:
56.109 mortes; eram 55.054 até as 20h de quinta (25), uma diferença de 1.055 óbitos

Suspeito de assaltos a bancos no MA e avião de transporte de valores no PA é preso no Piauí

Sede da Polícia Federal em Teresina — Foto: Catarina Costa/G1 PITauvick Marcelo Lemos Conceição estava escondido na casa de familiares no Louviral Parente, Zona Sul de Teresina. Ele seria membro da Quadrilha do Pânico e do Bando de Tucurui.
Por Catarina Costa
A Polícia Federal divulgou nesta sexta-feira (26) a prisão de um foragido da Justiça do Acre. Tauvick Marcelo Lemos Conceição estava escondido na casa de familiares no Louviral Parente, Zona Sul de Teresina. Ele foi preso na quarta-feira (24).
Conforme a PF, o acusado tinha um mandado de prisão exarado pelo Poder Judiciário do Estado do Acre, da Vara de Execuções Penais da Comarca de Rio Branco, tendo em vista que o preso se evadido sem cumprir pena naquele estado.
De acordo com as investigações, Tauvick participou de diversos assaltos a bancos no interior do estado do Maranhão e do Pará, na modalidade de roubo conhecida como “novo cangaço” e assaltos a veículos de transporte de valores. Ele também teria participação na 'Quadrilha do Pânico', que tem como líder o seu irmão Taurino Lemos da Conceição.

Faro alcança 28,6% e fica entre as piores cidades paraenses no índice de distanciamento social


FARO, PARÁ, BRASIL - AMAZÔNIA ACONTECEDe acordo com os dados divulgados pela Segup, na quinta-feira (25), o Pará ficou na 19ª posição no ranking nacional de isolamento com 37,65%.

De acordo com o último boletim divulgado pela Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Pará (Segup) nesta sexta-feira (26), o município de Faro, no oeste do Pará, alcançou na quinta-feira (25) apenas 28,6% e ficou entre as piores cidades no índice de distanciamento social. Na lista nacional, o Pará ocupou a 19ª posição, com adesão de 37,65%.

Eraldo Pimenta: “Excelente trabalho de Helder causa inveja e perseguição política”

Deputado Eraldo Pimenta com o governador Helder BARBALHO
Contra a Covida-19, o Pará está acima de qualquer ideologia, cor ou questão partidária
Deputado Estadual enaltece luta do Governador no combate à pandemia da Covida-19.
O deputado estadual Eraldo Pimenta (MDB) em contato com nossa reportagem, se manifesta sobre alguns fatos que estão sendo divulgados contra o governo de Helder Barbalho, no Pará.
Eraldo disse que em 2018, tivemos eleições no estado do Pará, saindo vencedor o jovem talento paraense Helder Barbalho. Em 2019 iniciou o seu governo, muitos trabalhos, em todas as frentes, como na educação, saúde, infraestrutura e outros setores. O Pará virou referência em todo o Brasil. Mas neste ano de 2020, infelizmente veio essa famigerada pandemia, a conhecida Covid-19, que até hoje assola famílias do mundo inteiro.
Segundo o deputado, o Governador de pronto trabalhou e fez com que toda sua equipe se voltasse a esse problema, para combater essa pandemia, salvar vidas; pois o Pará está acima de qualquer ideologia, cor ou questão partidária. E assim foi feito.
“Mas Helder Barbalho começou a brilhar, a crescer. Sendo que inclusive ele estava sendo chamado ao exterior para representar o Brasil. O Ministro da Saúde disse que o estado do Pará era um exemplo no combate a essa doença, com várias ações, inclusive com Hospitais de Campanha. Mas todo esse crescimento do Governador Helder Barbalho teve um preço, não agradou algumas pessoas, causou inveja, fazendo com que esse grande trabalhador fosse alvo de perseguição política. Helder demonstrou à sociedade, todas suas ações. Houve às vezes a vontade acerbada de querer fazer, e esses erros aconteceram em todo o Brasil, como São Paulo, Nordeste, mas Helder agiu rápido, automaticamente entrou com ação contra empresa que vendeu respiradores, que fez a devolução dos recursos e não houve nenhum prejuízo ao erário. Depois, aconteceram mais perseguições na Seduc, fato este que sequer foi executado ou pago algum contrato que diziam ter sido feito, não tendo prejuízo ao erário”, disse Eraldo Pimenta.
O parlamentar foi mais além e disse: “O que que está acontecendo, é uma implacável perseguição política contra esse jovem talento brasileiro, que desperta no Brasil, como grande líder político, um trabalhador e um exemplo ao combate a essa pandemia que atormenta o mundo todo. E acirra polarização com os antigos PSDBistas do sorriso amarelo, ou seja, o PSDB adiantou a disputa política. Helder Barbalho, nosso Governador, vamos pra frente, pois é pra frente é que se anda. Estamos juntos e vãos vencer essa batalha”.
A primeira dama do Pará, Daniela Barbalho, esposa de Helder Barbalho, postou em sua página do Instagram, um texto de agradecimento ao deputado Estadual do Pará, Eraldo Pimenta, pelo reconhecimento e solidariedade ao incansável Governador do Pará.
“Obrigado deputado Eraldo! De fato as eleições foram em 2018 percorrendo todo o Pará, ouvindo e assumindo o compromisso de ser presente e trabalhar por todos. 2019 se inicia um ano de muito trabalho Por Todo O Pará na área da educação, saúde, infraestrutura e segurança, com o Helder se tornando uma referência em todo o Brasil.
Chegamos em março de 2020 e o maior desafio, enfrentar um inimigo invisível, o Covid19. E Helder, como é de se esperar, se dedicou ao máximo para atender a todos e em especial os menos favorecidos. Brilhou, cresceu, chegando a representar o Brasil no exterior, reconhecido pelo Ministro da Saúde como referência no Brasil ao combate à esse vírus.
Grande trabalhador, Grande Governador, Grande homem. Te amo e te admiro pela coragem para agir. Iremos vencer essa perseguição política com a fé em Deus e a força do Povo do Pará que sabe e reconhece sua dedicação e empenho”, disse Daniela Barbalho.
Fonte: Portal Santarém

Cassado por corrupção, Iran Lima assume Casa Civil no lugar de Parsifal Pontes

Por Diógenes Brandão
A operação da PF que revirou gabinetes do governo do Pará e diversas residências de assessores e até a própria casa do governador Helder Barbalho, tem trazido uma frenética dança das cadeiras, com exonerações e nomeações.


Uma delas, a mais recente e importante foi a que acabamos de encontrar no Diário Oficial do Estado (DOE), onde ficamos sabendo da portaria da exoneração de Parsifal Pontes e sua nomeação para o cargo de Secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico, Mineração e Energia. Em seu lugar foi nomeado como chefe da Casa Civil, o ex-deputado Iran Lima (MDB), que teve seu mandato cassado e foi afastado da ALEPA, nesta terça-feira, 23, onde presidia a importante Comissão de Constituição e Justiça. 
Em linhas gerais Parsifal assume a secretaria que já havia sido comandada por Iran Lima, quando saiu da ALEPA, por determinação da justiça e acabou voltando achando que poderia manter-se impune.
Iran Lima perdeu o mandato após uma longa e demorada briga na justiça eleitoral, que condenou o réu por improbidade administrativa. A condenação foi reiterada após 19 anos em que o deputado vinha recorrendo contra a condenação, fruto da investigação feita pela Polícia Federal na "Operação Sanguessuga". 
Com a nomeação de Iran Lima, Helder sinaliza que seus amigos e parceiros acusados de crimes contra os cofres públicos, ao invés de serem afastados, acabam sendo premiados e protegidos em cargos importantes, como é o da chefia da Casa Civil, a mais importante e poderosa no governo do Pará. 
Em 2019, Iran Lima já havia sido nomeado como Secretário de Desenvolvimento Econômico, Mineração e Energia do governo do Estado. Conforme publicado no site do MPF e replicado pelo blog AS FALAS DA PÓLIS e o jornal A Província do Pará, antes das eleições de 2018, baseado na Lei da Ficha Limpa, o Ministério Público Federal pediu o indeferimento da candidatura de Iran Lima, Wladimir Costa, Chico da Pesca e mais outros 19 candidatos paraenses. 
No caso de Iran Lima, o deputado estadual teve suas contas reprovadas e foi acusado pelo crime de Improbidade Administrativa, em relação ao tempo em que foi prefeito de Moju e foi alvo de diversos pedidos de impugnação por conta de uma condenação do Tribunal de Contas da União. Iran conseguiu manter-se candidato e conquistou os votos necessários para ser reeleito, mas não conseguiu mais recursos junto à Justiça Federal e perdeu o mandato, estando também condenado a ficar inelegível por 8 anos. 

sexta-feira, 19 de junho de 2020

Assassinado no mato Grosso era assessor do presidente da camâra de Novo Progresso

Juninho foie xecutado dentro do vaiculo , conseguiu sair e moreeu no local (Foto:Divulgação Policia)
Segundo o investigador Wilson Santos, “os tiros foram efetuados tanto de dentro para fora, quando de fora para dentro do veículo e possivelmente foi utilizado um revólver calibre 38 e uma pelo menos uma pistola 380”. Os dois saíram do veiculo e caíram ao chão sem vida, os disparos atingiu a região da cabeça.
No interior do veículo foram encontrados ‘tickets’ de pedágio do trajeto Cuiabá/Sinop. Uma carteira de assessor parlamentar também estava no veículo.
Eles foram identificados como Edezio Mendes Alves Júnior ,42 anos,e Wanderley José Silva Júnior.
Nas redes sociais, amigos da vítima lamentaram o ocorrido e cobraram justiça na investigação do ocorrido.
A Pólícia Civil de Sinop (MT) ,instaurou inquérito para apurar as circunstâncias da morte dos dois progressenses.
Ainda não há informações sobre a autoria e motivação do crime.
Juninho foie xecutado dentro do vaiculo , conseguiu sair e moreeu no local (Foto:Divulgação Policia)

DOIS HOMENS DE NOVO PROGRESSO SÃOS EXECUTADOS EM SINOP

A Polícia Civil de Sinop no Mato Grosso encontra, na madrugada dessa sexta feira (19), dois homens mortos com tiros ao lado de um Ford Ecosport, com placas de Novo Progresso (PA), na avenida Rute de Souza Silva, próximo ao Residencial Brasília. O Corpo de Bombeiros foi ao local, mas quando chegou ambos estavam sem vida. Eles foram identificados como Edezio Mendes Alves Júnior ,42 anos,e Wanderley José Silva Júnior.
De acordo com o tenente da Polícia Militar, Romening dos Santos Silva “preliminarmente verificamos que eles foram atingidos quando ainda estavam dentro do veículo. Após serem atingidos, conseguiram sair e caíram ao lado do carro”, destacou.
Segundo o investigador Wilson Santos, “os tiros foram efetuados tanto de dentro para fora, quando de fora para dentro do veículo e possivelmente foi utilizado um revólver calibre 38 e uma pelo menos uma pistola 380”.
No interior do veículo foram encontrados ‘tickets’ de pedágio do trajeto Cuiabá/Sinop. Uma carteira de assessor parlamentar também estava no veículo.
Os corpos serão encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML).

quarta-feira, 17 de junho de 2020

Ministério Público Eleitoral pede a cassação de Helder Barbalho e Lúcio Vale

Helder e sua chapa é acusada de utilizar os veículos do grupo RBA para fazer campanha eleitoral e produzir fake news
O Ministério Público Eleitoral deu, no dia 5 deste mês, um parecer favorável à cassação de registro da chapa eleitoral de Helder Barbalho em eleição de 2018. Agora, cabe ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE/PA) decidir se acata ou não a decisão.
O parecer é resultado de uma investigação judicial eleitoral (AIJE) que apura abuso de poder econômico e uso indevido e desvio de meios de comunicação (art. 22, caput, da LC nº 64/1990) ajuizada pela Coligação "Em defesa do Pará" e candidato Márcio Desidério Teixeira Miranda contra o candidato a governador, Helder Zahluth Barbalho, candidato a vice-governador, Lúcio Dutra Vale, Jader Fontenelle Barbalho Filho, Joaquim Aristides Araújo Campos, Luiz Eduardo Anaice da Silva, René Marcelo Valentim, Jefferson Ely Vale de Lima, Raimundo Nonato Cavalcante Nascimento, Paulinho Montalvão, Eder Mauro Cardoso Barra, Francisco Monteiro Melo, Camilo Afonso Zahluth Centeno, Daiane Balbinot e Isidoro Calixto no contexto das Eleições 2018 para o Governo do Estado do Pará.
Os denunciantes alegam que os investigados, a chapa vencedora da eleição, em benefício da candidatura ao Governo do Pará de Helder Barbalho e Lúcio Vale, fizeram uso do Grupo Rede Brasil- Amazônia (RBA) de Comunicação, composto por televisão, rádios, jornal impresso e eletrônico, sítio na internet, redes sociais, alguns destes, concessão de serviço público, para veicular massivamente por todo o Estado do Pará notícias positivas e favoráveis aos candidatos investigados e, em contrapartida, apenas notícias negativas e desfavoráveis aos candidatos adversários, em especial contra Márcio Miranda.
Conclusões do MPE
O Ministério Público Estadual reconhece a utilização indevida ou desvio de meios de comunicação social e do abuso de poder econômico em favor da candidatura de Helder Barbalho. Segundo o parecer, é público e notório de que o governador do Estado é proprietário ou sócio do Conglomerado RBA de Comunicação e que o grupo de comunicação noticiou, divulgou e disseminou de maneira deliberada muitas matérias jornalísticas somente favoráveis e enaltecedoras do candidato Helder Barbalho e somente desfavoráveis e depreciativas do candidato Márcio Miranda, constatando-se, in caso, claro desvio de poder (finalidade) no exercício da liberdade de imprensa, uma vez que não foi dispensado um tratamento paritário, imparcial e impessoal para os candidatos no Pleito de 2018.
Fake news
Além do tratamento privilegiado nos meios de comunicação da família, o MPE indentificou ainda que o candidato Helder Barbalho e a sua Coligação Partidária não hesitaram em lançar mão do estratagema de criação e disseminação em seus veículos de comunicação de fato político falso (fakenews política) contra os seus adversários na campanha 2018 e, como se não bastasse, fizeram o uso ilegítimo do Sistema de Justiça Eleitoral - Polícia Federal, Procuradoria Regional Eleitoral e Tribunal Regional Eleitoral - mediante a provocação de instauração de procedimentos extrajudiciais de investigação e ação judicial eleitoral, com o intuito abjeto de realizar a divulgação nos veículos de comunicação do conglomerado de fatos falsos que prejudicavam e desabonavam os seus adversários políticos.
Por fim, não restou dúvidas ao MPE de que houve abuso de meios de comunicação social e o abuso de poder econômico, na medida em que os veículos de comunicação de massa com influência em todo o Estado do Pará, e até fora dele, composto por televisão, rádios, jornal impresso e eletrônico, sítios na internet e redes sociais, foram utilizados deliberadamente com a finalidade de beneficiar o candidato Helder Barbalho, inclusive com a disseminação de fakenews política.
Cassação de registro
Portanto, o MPE pede que os candidatos Helder Barbalho e Lúcio Vale, eleitos governador e vice-governador do Pará, respectivamente, por ocasião das Eleições 2018, devem ter cassados seus diplomas, considerando que formaram chapa majoritária, una e indivisível, e Helder Barbalho, Jader Fontenelle Barbalho Filho, FranciscoMonteiro Melo, Camilo Afonso Zahluth Centeno devem ser sancionados pela condição de proprietários, sócios e dirigentes do Conglomerado de Comunicação RBA, tudo por força do inciso XIV do art. 22 da LC nº 64/1990.

Covid-19 mata ‘Paulinho Paiakan’, ex-líder indígena, no interior do Pará

Uma das principais lideranças indígenas do país, o cacique Paulinho Paiakan, da etnia Kayapó, morreu por coronavírus nesta quarta-feira (17), em Belém.
De acordo com o senador Paulo Rocha (PT-PA), o líder indígena havia sido socorrido nesta semana e levado para a UTI de um hospital na capital depois de passar mal por conta da doença.
Paulinho Paiakan, grande liderança do movimento indígena brasileiro, partiu. Estava com Covid-19. Sentirei saudades de seu olhar doce e gentil. Meus mais profundos sentimentos ao povo Kayapó e a querida e amável família Paiakan.
Paiakan teve grande protagonismo na luta indígena do país, em especial na década de 1980. Ao lado do cacique Raoni Metuktire, o indígena realizou diversos protestos contra o avanço da hidrelétrica de Belo Monte naquele período. Ainda, foi uma das principais lideranças do Encontro dos Povos Indígenas do Xingu, em 1989.
O cacique foi condenado em 1998 pela 2ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Pará, por unanimidade, a seis anos de prisão por ter estuprado, em 1992, a estudante Sílvia Letícia Ferreira.
Irekrã, esposa de Paiakan, acusada de ter agredido Letícia para facilitar a ação do marido, também foi condenada a quatro anos de detenção em regime semiaberto.
O Liberal

Juiz da Comarca de Brasil NOVO deferiu liminar em favor do servidor público Fabiano Varges

Adicionar legenda
O Juiz pediu a reintegração do servidor Fabiano Varges na chefia da Vigilância Sanitária do município de Brasil NOVO
Álvaro José da Silva Sousa - juiz de direito da Comarca de Brasil, região da Transamazonica deferiu medida liminar em Mandado de Segurança e determinou a imediata reintegração do servidor público Fabiano Varges ao cargo de Chefe da Vigilância Sanitária no município. O juiz da Comarca reconheceu a arbitrariedade ocorrida e declarou a nulidade do ato que determinou seu afastamento. 
O Mandado de Segurança foi impetrado pelos advogados Joaquim Freitas Neto, Ivonaldo Cascaes Lopes Junior e Matheus dos Santos Barreto!

Covid-19: Santarém chega a quase 3 mil casos, shoppings reabrem e Didi é a nova vítima

O número de recuperados de Covid-19 alcançou 2.700 pessoas.
Santarém, no oeste do Pará, deve chegar nas próximas horas a 3 mil casos oficiais de covid-19 no município. Nesta terça-feira (16), a Semsa (Secretaria Municipal de Saúde) divulgou que a 3ª maior cidade do Pará atingiu a marca de 2.984 infectados pela doença.
O número de mortos, ainda segundo a Semsa, soma agora 159, dos quais 6 foram incluídos na estatística de ontem. Óbitos ocorridos entre os dias 5 e 10 deste mês – uma mulher e 6 homens.
Nessa lista não está incluído Raimundo Rocha dos Santos, conhecido entre os amigos e familiares como Didi, que morreu nesta quarta-feira (17) no HRBA (Hospital Regional do Baixo Amazonas), referência na região em casos graves do novo coronavírus.
Representante comercial que vivia um dos melhores momentos de sua carreira profissional, Didi era casado com Laurilene Almeida. O casal tinha 2 filhos: Bruno Conty e Roseane.
Hoje, de acordo com mais recente decreto municipal, os shoppings da cidade reabrem, em horário especial – de 12 às 20h. As praças de alimentação e espaços de recreação, porém, continuarão fechados para o público em geral.

terça-feira, 16 de junho de 2020

PARADA CARDÍACA MATA APRESENTADOR EDY PORTELA

No início da manhã desta terça-feira (16), morreu o apresentador de TV Edy Portela, em Santarém, no oeste do Pará. Ele passou mal em casa e foi socorrido por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levado à Unidade de Pronto Atendimento (UPA-24h).
De acordo com a UPA 24 horas, Portela chegou à unidade já sem sinais vitais, após possível parada cardíaca, e a equipe médica realizou todas as manobras de reanimação, mas infelizmente o paciente não resistiu.
Francisco Edson Portela tinha 55 anos era apresentador da TV RBA em Santarém. Ele era natural de Tianguá, no Ceará, e trabalhava com o jornalismo desde o ano de 1990 e já passou por outros veículos de comunicação nas cidades de Manaus e Fortaleza.

segunda-feira, 15 de junho de 2020

CAPITÃO DA POLÍCIA MILITAR MORRE VÍTIMA DO NOVO CORONAVÍRUS EM SANTARÉM

O militar estava internado há dias no no Hospital Regional de Santarém, mas não resistiu e morreu na madrugada desta segunda, 15.
A covid-19, doença provocada pelo novo coronavírus já matou centenas de Policiais Militares no Estado do Pará. Na madrugada desta segunda-feira, 15, o Capitão da Polícia Militar, Raynério da Silva Costa, que atuava em Santarém como membro da Corregedoria do CPR-1, não resistiu a doneça e morreu.
Segundo informações do portal Santarém, o militar, estava internado há dias no Hospital Regional de Santarém, e na madrugada desta segunda-feira, 15, morreu por complicações. Raynério, servia atualmente a CorCPR-I.
A prefeitura de Santarém divulgou na noite do último domingo, 14, o boletim da covid-19 atualizado e informou que nos últimos três dias, nenhuma morte tinha sido registrada no município até às 20h30.
Confira o boletim da covid-19 em Santarém
A Prefeitura de Santarém, em nova atualização do boletim da Covid-19, às 20:30 horas de domingo, 14, informa que há 2.851 casos confirmados no município. Existem 2.504 pessoas recuperadas, 153 óbitos, 1.222 resultados negativos, 82 análises, 3.955 notificados/monitorados, e 12.295 monitorados já recuperados.
A atualização de hoje acrescentou 64 novos casos positivos para covid-19, todos por testes rápidos. A Prefeitura informa ainda que dos 2.851 casos confirmados; 2.504 estão recuperados, 57 estão internados, 153 são óbitos, e outros 153 pacientes estão em isolamento domiciliar.
A Prefeitura reforça que o isolamento social, as medidas de higiene e de etiqueta social são fundamentais no combate ao novo coronavírus. Lave sempre as mãos com água e sabão, use álcool em gel, máscara e respeite o distanciamento social em filas.

PARAUAPEBAS – Agente do Detran acusado de feminicídio vai permanecer na cadeia

O agente do Detran em Parauapebas, Diógenes dos Santos Samaritano, acusado de matar a mulher no ano passado, vai continuar preso preventivamente por decisão da seção de direito penal do Tribunal de Justiça do Pará.
A defesa do acusado de feminicídio requereu a liberdade do réu alegando que ele integra o grupo de risco referente à Covid-19, por ser portador de bronquite asmática, porém, não juntou aos autos documentos devidamente assinados por médico comprovando testagem positiva.
A relatora do processo, desembargadora Maria Edwiges Lobato, ressaltou não haver constrangimento ao réu, fundamentando seu voto em julgados do Superior Tribunal de Justiça.
De acordo com o processo, o Ministério Público denunciou o réu, que é agente do Detran em Parauapebas, pela morte de sua ex-esposa, Dayse Dyana Souza e Silva.
Na ocasião da morte da mulher, Diógenes afirmou que a vítima teria cometido suicídio ao se atirar pela janela de sua residência, mas a Polícia Civil e o Ministério Público, com base nos laudos, descartaram essa hipótese.
Foi apurado que o apartamento ficava no segundo andar, não somando mais do que quatro metros de altura, além do que a posição do corpo levantava dúvidas sobre o suposto suicídio.
Ainda conforme a denúncia, uma testemunha afirmou que, na véspera do crime, ocorrido no dia 31 de março de 2019, Diógenes teria agredido a vítima em um shopping. Ainda na véspera do feminicídio, foi publicada sentença judicial condenando o acusado por crimes de lesão corporal e ameaça no âmbito da violência doméstica e familiar, praticados contra Dayse.
O acusado foi preso em flagrante, sendo encontrada em seu veículo malas com seus pertences e pertences do filho do casal, o que sugeriria, conforme o MP, que o réu estava se preparando para fugir.

Mojuí Dos Campos: Município Fecha Maio Com Quase 19 Mil Eleitores

Por Eduardo Enrique/Portal Mojuí na Íntegra
O município de Mojuí dos Campos, no oeste paraense, fechou o mês de maio com 18.927 eleitores regularizados de acordo com dados extraídos do site do Tribunal Superior Eleitoral – TSE. Houve um aumento de 1.728 eleitores em relação a 2016 quando o eleitorado do município era de 17.199.Dados do eleitorado de Mojuí dos Campos. Fonte: TSE.

O município com área territorial de 4.988,236 km² e população estimada em 16.084 habitantes, de acordo com dados do IBGE do ano passado, vai participar da terceira eleição municipal para a escolha do prefeito, vice e pela primeira vez 11 vereadores.
Em 2016, dos 17.199 eleitores,15.399 compareceram as urnas e 645 votaram branco ou nulo. Os votos válidos somaram 14.754. O prefeito foi eleito com 8.302 votos e o vereador mais votado recebeu 1204 votos.

sexta-feira, 12 de junho de 2020

Hospital Municipal de Rurópolis realiza parto bem sucedido de gestante com covid-19

Equipe multiprofissional do Hospital Municipal de Rurópolis, sudoeste do Pará, realizou pela primeira vez um parto de gestante diagnosticada com covid-19. O feito considerado um grande desafio para a equipe envolvida, foi realizado com sucesso no início desta semana e segundo a o Comitê de Operações Especiais (COE) da Secretaria Municipal de Saúde, mãe e filha passam bem.
Quando chegou ao conhecimento da equipe do COE, por meio de contato com o disk vigilância da secretaria municipal de Saúde de Rurópolis, que uma gestante apresentava sintomas sugestivos de covid-19, imediatamente, ela foi referenciada para o município de Santarém, no oeste do Pará, por se tratar de gravidez considerada de alto risco. A comunicação ao COE foi feita no dia 29 de maio.
O COE avaliou que o caso necessitava de atenção de serviços de alta complexidade com retaguarda de leitos de UTI materna e neonatal, conforme orientam os protocolos do Ministério da Saúde, e Rurópolis não conta com essa retaguarda.
A transferência da paciente só foi liberada no dia 7 de junho, mas para o Hospital Municipal de Santarém e não para o Hospital Regional do Baixo Amazonas como o caso necessitava. Por esse e outros motivos, a gestante e sua família se negaram a ir para Santarém, assinando um Termo de Responsabilidade e optando por permanecer em Rurópolis, mesmo sabendo dos riscos que corriam mãe e bebê.
Diante da decisão da gestante e de sua família, as equipes da Maternidade e do Setor de Covid-19, do Hospital Municipal de Rurópolis, equiparam um quarto para realização do parto normal, mas a paciente não apresentou as condições ideais, sendo necessária a realização de parto cesáreo.
“Por se tratar de uma gestação de alto risco, a paciente foi encaminhada para Santarém mas optou em ficar e ter seu filho em Rurópolis, o que nos deixou apreensivos pela experiência inédita e desafiadora à nossa equipe. A equipe cirúrgica se paramentou adequadamente, inclusive com macacões e aventais cirúrgicos descartáveis, para garantir sua a biossegurança”, relatou o médico José Roberto, que comandou a equipe do HMR no centro cirúrgico.
A assistência pré, parto e pós-parto envolveu uma equipe composta por: 1 cirurgião, 1 neonatologista, 1 enfermeira pediátrica, 3 enfermeiras generalistas, 5 técnicas de enfermagem e 1 auxiliar de serviços gerais.
Apesar da tensão e do desafio, a equipe realizou o procedimento cirúrgico sem problemas. Mãe e filha passam bem e seguem sob cuidados da equipe de setor de covid-19 do HMR.
A menina terá amostra colhida para realização de estudo genético, com objetivo de verificar se houve ou não a transmissão vertical da covid-19.
“O parto e o nascimento foram bem sucedidos, mãe e filho passam bem e continuam sob cuidados dos profissionais de saúde. Esta experiência renova nossas esperanças e fé em dias melhores e mostra o quanto estamos comprometidos, mesmo diante um pandemia e tantas adversidades. Nosso profundo agradecimento à equipe corajosa que realizou esse feito inédito em nossa cidade”, escreveu a Secretaria Municipal de Saúde em uma rede social.
Especialistas afirmam que a fisiopatologia da doença expõe a risco de parada cardiorrespiratória durante a cirurgia e predispõe a doenças da coagulação no pós-parto, por isso, o parto de paciente com covid-19 é considerado de alto risco e requer suporte de alta complexidade com UTI para mãe e bebê.

Equipe que participou do atendimento à gestante.
Centro Cirúrgico:
Dr. José Roberto
Enfermeira Maria dos Anjos
Téc. Enf. Antonia Rosa
Téc. Enf. Neusirene Alves
Aux. Serviços Gerais Mikhaelly Tavares
Pré e pós-operatório:
Enfermeira Rebeka Fonseca
Enfermeira Gildeni
Téc. Enf. Cledilene Farias
Téc Enf. Andreia Pádua
Dra. Gláucia Wanderley
Enfermeira Jéssica Santos
Téc. Enf. Terezinha Santos